Direção da Darcy Vargas revê restrições e homens podem acompanhar pacientes a noite em Joinville  - A Notícia

Vers?o mobile

 
 

Saúde18/08/2017 | 10h21Atualizada em 18/08/2017 | 16h44

Direção da Darcy Vargas revê restrições e homens podem acompanhar pacientes a noite em Joinville 

Hospital também anunciou que volta a servir café da manhã para os acompanhantes

Direção da Darcy Vargas revê restrições e homens podem acompanhar pacientes a noite em Joinville  Salmo Duarte/A Notícia
Pacientes internadas poderão ficar com acompanhantes homens durante a noite Foto: Salmo Duarte / A Notícia

A direção da Maternidade Darcy Vargas informou nesta sexta-feira que voltou atrás em parte das mudanças no atendimento que aconteceram no último sábado em Joinville. A unidade diz ter feito uma readequação nos horários da equipe para permitir novamente que os homens acompanhem as pacientes durante o período da noite, o que havia sido restrito. O hospital também vai voltar a servir o café da manhã para os acompanhantes.

Leia as últimas notícias sobre Joinville e região no AN.com.br

Na semana passada, dez dos 63 profissionais que prestavam serviço à maternidade foram desligados, entre eles quatro do setor de nutrição, quatro da limpeza, uma supervisora e um jardineiro. A redução no quadro de funcionários ocorreu por causa da rescisão do contrato entre a Secretaria de Estado de Saúde e a empresa que prestava serviços terceirizados às unidades de saúde em Santa Catarina. Uma nova empresa foi contratada pelo Estado, mas o número de profissionais atendendo nas unidades hospitalares foi reduzido.

Em uma conversa da direção da maternidade com a nova empresa, foi possível montar uma nova grade de horários de trabalho que permitiu retomar a presença masculina como acompanhante durante a noite. Em uma medida polêmica, os homens estavam sendo impedidos de permanecer ao lado das pacientes no período noturno. Segundo o diretor Dr. Fernando Marques Pereira, a restrição ocorreu por uma questão de limpeza e organização do quarto, já que havia apenas um profissional para realizar esse serviço na madrugada.

— É um direito garantido por lei da paciente ter livre escolha de quem a acompanha no parto e no quarto. Essa restrição foi apenas por um período de transição em que tivemos de fazer mudanças para garantir a segurança das pacientes — afirma.

Acompanhantes receberão café da manhã e jantar Foto: Salmo Duarte / A Notícia

Outra mudança que havia ocorrido era a redução do número de refeições aos acompanhantes. Antes, eles recebiam café da manhã, almoço e jantar todos os dias. Depois foram cortadas temporariamente as duas primeiras alimentações desde o sábado passado, mas retomado o café da manhã nesta sexta-feira. Apenas o almoço continuará ficando por conta de quem estiver com a paciente e será servido novamente apenas se houver a reposição dos funcionários que foram demitidos.

A única mudança realizada pela administração que continua inalterada é a redução do horário de visitas. Anteriormente, as pacientes podiam receber pessoas das 12 às 16 horas, mas com a reestruturação, o período agora se encerra às 14 horas. De acordo com Pereira, o tempo foi reduzido, mas o número de visitantes é ilimitado e os familiares terão que se adaptar para atender ao novo horário.

LEIA MAIS

OAB Joinville vai avaliar se houve ilegalidade em medida tomada pela Maternidade Darcy Vargas

Hospital Regional de Joinville perde funcionários após corte do Estado

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A Notícia"São duas grandes contratações", diz Argel sobre Andrigo e Ferrareis https://t.co/G1D1a4w1rkhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSol deve voltar a aparecer nesta quinta-feira em Joinville  https://t.co/MCvmeQoQlhhá 1 horaRetweet

Veja também

A Notícia
Busca