Avenida Juscelino Kubitschek deve ganhar ciclofaixa em Joinville - A Notícia

Versão mobile

Mobilidade 06/07/2017 | 14h46Atualizada em 06/07/2017 | 14h52

Avenida Juscelino Kubitschek deve ganhar ciclofaixa em Joinville

Via será contemplada pelo Projeto "Ruas Completas, Cidade Compartilhada"


Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS

Tornar a via mais humana, atraente e promover vida intensa na sua circulação. Esta é a proposta do Projeto "Ruas Completas, Cidade Compartilhada", para o qual Joinville foi escolhida, entre 10 municípios brasileiros com mais de 250 mil habitantes. A ação é coordenada pela WRI Brasil Cidades Sustentáveis, em parceria com a Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e a avenida que irá receber mudanças é a Juscelino Kubitschek.

Nesta quinta-feira, integrantes da Secretaria de Planejamento Urbano e Desenvolvimento Sustentável (Sepud) passam por um capacitação sobre o projeto.Tendo como diretriz o conceito de promover acessibilidade universal, sinalização clara e orientada para o pedestre, mobiliário urbano útil (lixeiras e bancos), medidas moderadoras de tráfego, ciclovias ou ciclofaixas e faixas de ônibus, a equipe irá formatar o projeto até novembro, com a consultoria da WRI Brasil Cidades Sustentáveis.

— Eles também irão nos ajudar na busca de recursos para estas melhorias. Significa a mudança do espaço que prioriza o carro para um modelo que valorize a humanização da via e as condições para o desenvolvimento local sustentável —, explica o gerente de Mobilidade e Desenvolvimento Sustentável da Sepud, Marcus Faust. Joinville irá servir como referência.

Representantes de outros nove municípios participam da capacitação: Garuva, Guaramirim, Itapoá, São Bento do Sul, Jaraguá do Sul, Mafra, São Francisco do Sul, Araquari e Guarapuava (PR) acompanharão a aplicação do projeto no município.

O alvo do ¿Ruas Completas, Cidade Compartilhada¿ também é disseminar os conceitos nos 395 municípios brasileiros com mais de 80 mil habitantes para promover a requalificação urbana focada em transportes multimodais, acessibilidade, sustentabilidade e tecnologia.

Em novembro, os projetos serão apresentados numa reunião geral, agendada para ocorrer em Recife, com todos os 10 municípios escolhidos do Brasil.

Confira quais são os itens que se aplicam ao conceito:

Estreitamento de faixas dedicadas ao tráfego de carros.
Calçadas que confiram conforto e segurança aos pedestres.
Infraestrutura para bicicletas.Instalações de transporte coletivo bem projetadas.
Faixas de travessias que proporcionem oportunidades frequentes para o cruzamento de vias.
Facilidades para pessoas com deficiência, idosos e crianças.
Extensões de meio-fio que diminuam a distância de travessia.
Árvores e mobiliário urbano.
Projetos seguros de interseções e redução dos raios de giro.Sinalização clara para todos os usuários.
Iluminação.
Tratamento do pavimento.


 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaVitória contra o São Bento colocará o JEC no G-4 após 11 rodadas https://t.co/xFTYU8zpyJ #LeianoANhá 7 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaGrávida de 37 semanas é morta a facadas em Palhoça https://t.co/R5h4Bwu7GT #LeianoANhá 8 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros