Morre a primeira vereadora da história de Joinville - A Notícia

Versão mobile

Obituário15/03/2017 | 16h44

Morre a primeira vereadora da história de Joinville

Matilde Amin Ghanem foi eleita pela primeira vez em 1954 e faleceu dois dias antes de completar 94 anos

Morre a primeira vereadora da história de Joinville Leo Munhoz/Agencia RBS
Foto: Leo Munhoz / Agencia RBS

Dois dias antes de completar seus 94 anos dedicados à política e à assistência social morreu a primeira vereadora da história de Joinville, Matilde Amin Ghanem. Ela sofria de Alzheimer, mas a causa da morte não foi divulgada. Ela foi sepultada às 16h30 desta quarta-feira, no Cemitério Municipal de Joinville.

Matilde abriu caminho para várias gerações de mulheres em Joinville que ingressaram, futuramente, na Câmara de Vereadores. Eleita em em 1954, na época, encarou o preconceito por "andar com homens", maioria absoluta na política. Naquele período, ser vereador era uma atitude voluntária e sem remuneração. Matilde conseguiu se reeleger e chegou a ser eleita deputada estadual em 1963, mas abriu mão da vaga para atuar na secretaria de Assistencia Social em Blumenau.

Tendo dois irmãos ilustres na família - o médico Sadalla Amin Ghanem e a educadora Maria Amin Ghanem - Matilde encontrou o seu espaço na história. Formada em ciência contábil, atuou por muitos anos em indústrias de Joinville, dando orientações e coordenando aulas como higiene, culinária, artesanato e bordado. 

 - Eu queria saber como era a vida do operário. Nunca fui orgulhosa nem besta. Sempre quis aprender - disse na sua última entrevista ao "A Noticia", em 2014, quando foi uma das homenageadas no caderno "Elas Fazem Joinville".

Matilde se orgulhava de conhecer toda a cidade de bicicleta, a qual utilizava para levar comida para a irmã, Maria, quando ela dava aulas na Escola Estadual Conselheiro Mafra. Também foi convidada a conhecer muitas casas em Joinville, às quais visitava para ajudar mulheres a aprender a cozinhar e fazer atividades manuais, entre outros ensinamentos.

Foi contemporânea de personagens ilustres da cidade, como o artista Fritz Alt e o empresário e ex-prefeito Baltasar Buschle. Além disso, participou da implantação do Sesi em Joinville.

Matilde foi homenageada em vida em 2007, na Câmara de Vereadores, no Dia Internacional da Mulher. Atualmente, ela dá nome ao hall de exposições da Câmara em Joinville.

A NOTÍCIA

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaGrupo protesta após morte de idosa em Joinville  https://t.co/msIXV0zVv9 #LeianoANhá 8 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCarro, mercado e apartamento são furtados em Blumenau https://t.co/Y52RPotZPB #LeianoANhá 12 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros