Edenilson Leandro: Gentileza e dedicação como ferramentas - A Notícia

Versão mobile

Painel Local 17/10/2016 | 08h31

Edenilson Leandro: Gentileza e dedicação como ferramentas

"Empatia, gentileza, vontade de fazer o melhor e ajudar de fato são ferramentas para jornadas melhores."

Sucedeu que o tema era cordialidade. Então sobraram bons e maus exemplos na mesa virtual em que espalhávamos o assunto. Contaram: No dia do primeiro turno da eleição que ainda não terminou, soube-se, por meio de parentes que trabalharam no atendimento ao público, que diversos eleitores erraram o endereço. Na biometria, tiveram o local de votação alterado (ou atualizado), mas não se deram conta ou esqueceram e acabaram indo ao local errado.

– Atendi a bastante gente que vinha de outro local, mal orientada. Então, eu lhe dava o triplo de atenção. Temos o dever transformador de tornar melhor a vida de quem procura ajuda – contou dedicada servidora.

Tudo o que alguém perdido ou em dúvida precisa é do interesse de seu interlocutor, de gentileza. E não de um “vire-se” ou de informação seca, monossilábica, excessivamente pragmática, mecânica.

– Huuuummmm... Deixe-me ver seu título. É, de fato, a senhora agora vota neste bairro. Mas não é aqui também. Mandaram a senhora para a escola errada. Olha aqui na lista, é neste endereço que a senhora tem que ir. Chegando lá, procure pela seção tal. É lá que a senhora vai votar. Está bem? Mais alguma coisa?

Leia as últimas notícias de Joinville e região.
Confira outras colunas de Edenilson Leandro.

Empatia, gentileza, vontade de fazer o melhor, ajudar de fato. Ferramentas para jornadas melhores. Os dias são atribulados, mal dá tempo de se coçar, é muito cada um por si. Ser dedicado e atencioso garantirá melhores dias. Nada pode estar tão hermeticamente fechado que tire de nós a capacidade de dedicar dois minutinhos a ser atencioso com o próximo. Recusar um panfleto entregue na esquina não consertará o mundo. Mas aceitá-lo e ainda dizer “obrigado” com um sorriso criará ambiente mais saudável.

No fim de semana, grassando pela Praia Grande, em São Francisco do Sul, participamos de uma feijoada beneficente para ajudar nas despesas do tratamento de saúde de alguém da comunidade. Muito esforço da vizinhança e arredores, conhecidos ou não, para as coisas saírem do papel e ficarem de pé. Como de fato ficaram. Ambiente bacana e sucesso na venda do prato. No fim, o espírito comunitário e a gentileza saíram vencedores.

A alma fica mais leve nestes momentos de gentileza, solidariedade e doação. Seja em que ambiente ou situação for.

A NOTÍCIA

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPM divulga distribuição dos novos policiais militares de Santa Catarina https://t.co/kDVclFOQRchá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem é assassinado na zona Norte de Joinville https://t.co/MuGVsIrN5Bhá 3 horas Retweet

Veja também

  •  
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros