Dupla de Jaraguá garante vaga para o Mundial de Canoagem na Itália - AN Jaraguá - Geral - A Notícia

Vers?o mobile

 
 

Esporte14/05/2014 | 17h07

Dupla de Jaraguá garante vaga para o Mundial de Canoagem na Itália

Canoístas conquistaram título brasileiro no Mato Grosso do Sul que classificou para competição internacional

Dupla de Jaraguá garante vaga para o Mundial de Canoagem na Itália Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Uma parceria que deu certo. Marcos Zanghelini e Adilson Pommerening, do Clube Kentucky de Jaraguá do Sul,  venceram a primeira etapa da Copa Brasil de canoagem que ocorreu no último final de semana em  Aquidauana, no Mato Grosso do Sul. A dupla ganhou na categoria C2 Open e conquistaram uma vaga para o Mundial que acontece em junho, em Valentille - Itália.

Enfrentando as correntezas do rio Aquidauana, a sincronia da dupla foi necessária para completarem a prova e principalmente saírem vencedores. Segundo o canoísta Adilson, fizeram apenas um reconhecimento do rio, anotando os pontos mais perigosos e estudando o modo de navegação mais eficiente para chegar ao final da prova.

- Treinamos para vencer, mas a vazão do rio Aquidauana estava maior que o habitual devido as cheias do Pantanal. Por isso, nosso maior medo era que a canoa virasse e nem chegássemos a completar a prova - explica Adilson.

Adilson relata que teve duplas que não completaram o percurso e perderam os equipamentos, pois acabaram sofrendo quedas. Para ele, o reconhecimento do local e o estudo que realizaram foi fundamental para conseguirem vencer a etapa e conquistarem a vaga para o mundial.
Quando chega próximo das competições, a dupla treina cinco vezes por semana e busca rios na região com características parecidas com aqueles que irão enfrentar. Adilson e Marcos competiram 81 vezes juntos, saindo 73 vezes campeões, e  nas demais competições ficaram próximo ao pódio, nunca tiveram uma colocação menor que quinto lugar.

Segundo Marcos, eles eram concorres nas provas de canoagem, pois têm o mesmo perfil - peso, altura e estilo de navegar. A partir do momento que uniram as forças conseguiram disputar uma categoria mais difícil, como nessa em que ficam de joelhos na canoa e cada canoísta rema apenas de uma lado. Para Marcos, foi necessário uma entrosamento perfeito para superarem o rio Aquidauana.

O próximo desafio da Copa Brasil de Canoagem será a etapa de Governador Valadares _ MG, em agosto e ainda terá as etapas de Itaocara _ RJ. Santo Antônio de Pádua _ RJ e por fim a etapa de Colatina _ ES, as duas em setembro.

Em busca  de recursos
Agora, o principal desafio é fora da água. A dupla precisa buscar patrocínio para representar a canoagem no Mundial que ocorre de 10 a 15 de junho em Valentille, na Itália.

Segundo Adilton, a canoagem é uma modalidade não olímpica e, por causa disso, não consegue patrocínio com a Federação Internacional de Canoagem (ICF). A solução é buscar recursos com empresários da região do Vale do Itapocu.

- Acreditamos que cada um irá gastar cerca de R$ 5,5 mil para a viagem. Queremos representar nossa cidade, nosso estado e nossa país. Mas, precisamos de ajuda para isso, porque é uma oportunidade única e chegamos até onde muitos atletas desejam - explica Adilson.
Quem quiser ajudar poder ligar para o telefone (47) 9952-3009 - Adilson.
 

Marcos Zanghelini
Idade: 50 anos
Altura: 1,81 metros
Peso: 75 kg
canoísta: 20 anos no esporte
Rotina de treino individuais: três a quatro vezes por semana
"Sou canoísta por gostar de estar em contato com a natureza e, principalmente, pela adrenalina de descer a correnteza" declara canoísta Marcos.

Adilson Pommerening
Idade: 40 anos
Altura: 1,78 metros
Peso: 80 Kg
canoísta: 17 anos no esporte
Rotina de treino individuais: duas vezes por semana
"Amigos me convidaram para conhecer. Depois que conheci o que era a canoagem, eu amei e não parei mais" afirma Adilson.

A NOTÍCIA

 

Siga A Notícia no Twitter

Veja também

A Notícia
Busca