Derrota complica, mas André Santos mantém Figueirense na luta pelo acesso: "Tem que acreditar" - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

Brasileiro02/10/2018 | 21h27Atualizada em 02/10/2018 | 21h42

Derrota complica, mas André Santos mantém Figueirense na luta pelo acesso: "Tem que acreditar"

Figueira perde por 1 a 0 para o Sampaio Corrêa e tem missão complicada para alcançar o vaga na elite nacional

Derrota complica, mas André Santos mantém Figueirense na luta pelo acesso: "Tem que acreditar" De Jesus/Jornal O Estado do Maranhão
Foto: De Jesus / Jornal O Estado do Maranhão
DC Esportes
DC Esportes

O Figueirense perdeu por 1 a 0 para o Sampaio Corrêa na noite desta terça-feira e teve a situação ainda mais complicada para tentar alcançar uma vaga na elite nacional. Com 40 pontos na Série B do Campeonato Brasileiro, precisaria vencer todos os oito jogos que ainda tem pela frente para chegar aos 64 tidos como suficiente pelo acesso. Titular no jogo no Castelão (MA), o meia André Santos não tirou o Figueira da briga para subir de divisão.

- Tem que continuar acreditando. Enquanto tiver oportunidade, tem que acreditar — reformou.

Foi a primeira partida dele como titular desde o retorno ao clube em que é formado. No entanto, André Santos foi substituído por Felipe Amorim no intervalo da partida. Do campo e do banco, ele viu o Figueira em busca do resultado positivo, mas pouco efetivo.

— Tentamos e lutamos, trabalhamos, mas eles foram felizes em bola parada (o gol do Sampaio foi em cobrança de falta). Tivemos oportunidades também e não fizemos. Vamos voltar para casa e ver o que vai acontecer — falou André Santos, em entrevista à CBN Diário.

Ainda no meio da tabela, a equipe alvinegra terá tempo para se preparar ao próximo compromisso pela Série B. O time volta a campo às 19h do sábado seguinte, quando recebe o Coritiba no Orlando Scarpelli.

Veja mais notícias do Figueirense
Confira a tabela da Série B do Brasileiro 2018

 
A Notícia
Busca