Presidente da federação uruguaia renuncia na véspera da eleição - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

Montevidéu30/07/2018 | 16h03

Presidente da federação uruguaia renuncia na véspera da eleição

AFP
AFP

O presidente da Associação Uruguaia de Futebol (AUF), Wilmar Valdez, renunciou de maneira surpreendente à possibilidade de continuar no comando da entidade, nesta segunda-feira, um dia antes da eleição da federação e em um momento que será debatida a continuidade ou não do técnico Óscar Tabárez como técnico da Celeste.

"Esta decisão foi motivada por razões estritamente familiares e pessoais, que nada têm a ver com o contexto da atual etapa eleitoral", indicou o dirigente em sua carta de renúncia publicada pela AUF.

Nesta terça-feira, a AUF vai ter eleições para as quais o ex-mandatário era candidato à reeleição para outro período de quatro anos no comando.

"Desejo descartar expressamente que tenha existido qualquer pressão indevida, ameaça ou extorsão sobre minha pessoa com o objetivo de tomar essa decisão", acrescentou Valdez.

"Minha determinação e o momento que a adoto - véspera da eleição de terça - tem como objetivo transferir aos candidatos à Presidência e aos clubes votantes a mais absoluta liberdade possível, para que debatam e entrem em acordo para os rumos e pessoas que serão os condutores da AUF nos próximos quatro anos", indicou.

Os candidatos são Arturo del Campo e Eduardo Abulafia. Ambos são partidários da continuidade do trabalho desenvolvido por Óscar Tabárez no comando da Celeste, que terminou na quinta colocação na Copa da Rússia-2018.

* AFP

 
A Notícia
Busca