As curtas da Copa - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

Moscou09/07/2018 | 14h32

As curtas da Copa

AFP
AFP

Notícias curiosas ou divertidas registradas pela AFP durante a Copa do Mundo da Rússia-2018.

- Hazard 'bleu'

Por ocasião da partida entre França e Bélgica pelas semifinais da Copa do Mundo-2018, na imprensa e nas redes sociais tem circulado uma fotografia de Eden Hazard quando era criança. Nela, o astro dos 'Red Devils' aparece com seus irmãos Thorgan - também na seleção belga - e Kylian, todos vestidos com a camisa da seleção francesa coincidindo com o Mundial de 1998, vencido pelos Bleus.

Eden Hazard tinha 7 anos e vivia perto da fronteira francesa, na região da Valônia. Em uma antiga entrevista, Hazard reconheceu sua admiração por aquela seleção de 1998 e especialmente por Zinedine Zidane, "um ídolo quando eu era pequeno".

- Brincadeira na concentração -

Antes da semifinal de terça-feira contra a França, a seleção belga relaxou na concentração com uma brincadeiras de perguntas e respostas. Foram formadas quatro equipes, lideradas pelo técnico Roberto Martínez, seu assistente de campo Thierry Henry, o outro assistente Graeme Jones e seu fisioterapeuta Richard Evans. Foram cinco rodadas de perguntas e dez retratos de jogadores que deveriam ser reconhecidos, entre eles o argentino Roberto Sensini, o mexicano Cuauhtémoc Blanco e o russo Viktor Onopko. No Twitter oficial dos 'Red Devils' foi publicado o resultado do jogo: o 'Team Graeme' venceu com 40 pontos de 50, seguido pelo 'Team Henry', com 37 de 50.

- Fechamento adiantado

Os funcionários do grupo Delhaize estão com sorte, especialmente os fãs de futebol. Uma das principais cadeias de supermercados da Bélgica, com 128 estabelecimentos espalhados pelo país, decidiu adiantar em uma hora seu fechamento na terça-feira, às 19h00 locais, em razão da partida contra França, uma hora depois.

Empresas rivais do setor não vão mudar o horário de fechamento, como o gigante francês Carrefour, que estimou que "os clientes têm o direito de fazer suas compras até as 20 horas".

- Colete de Gareth -

O tabloide britânico The Sun pediu a seus leitores que usassem o mesmo tipo de colete que o técnico Gareth Southgate na quarta-feira durante as semifinais da Inglaterra contra a Croácia.

Mais uma referência a uma peça que se tornou ícone da Copa do Mundo de 2018 da equipe inglesa. Essa peça do vestuário masculino disparou em vendas na rede de lojas Marks&Spencer.

Alguns fãs até pediram à marca que baixasse seu preço para 19 libras e 66 pence, em homenagem a 1966, o ano do único título mundial na Inglaterra.

- Sem prêmio -

Um jovem escocês de Aberdeen, Marc Morrison, não esquecerá o nome do croata Ivan Perisic. "Por causa" do jogador da Inter de Milão ele ficou sem um prêmio de 140.000 libras (cerca de 160.000 euros) nas quartas de final da Copa do Mundo de 2018.

Como explica o Scottish Daily Record, ele havia feito uma aposta combinada com apenas uma libra, tendo que acertar quatro previsões: Antoine Griezmann marcaria de fora da área contra o Uruguai, Kevin De Bruyne faria o mesmo contra o Brasil, Harry Maguire marcaria de cabeça contra a Suécia e Ivan Perisic faria um gol com um chute de fora da área contra a Rússia. Acertou as três primeiras previsões, mas falhou no último, Perisic, em um jogo que Marc viveu à beira de um ataque cardíaco. Até que aos 63 minutos, Perisic foi substituído e as suas esperanças afundaram.

* AFP

 
A Notícia
Busca