Jogadores voltam do vestiário para cobrar pênalti marcado pelo VAR - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

Berlim17/04/2018 | 17h52

Jogadores voltam do vestiário para cobrar pênalti marcado pelo VAR

AFP
AFP

Durante partida entre Mainz e Freiburg pela Bundesliga (2-0), na segunda-feira, o árbitro mandou os times voltarem do vestiário no intervalo para cobrarem penalidade marcada pelo VAR, o mais recente incidente com a tecnologia testada nesta temporada do Campeonato Alemão.

"É muito estranho. Já estávamos sentados no vestiário, não conseguia acreditar", disse o goleiro do Freiburg, Alexander Schwolow.

O árbitro Guido Winkmann marcou toque de mão na área do Freiburg durante o intervalo, graças ao aviso do centro de assistente de vídeo de Colonia, depois de não assinalar a penalidade em um primeiro momento.

O atacante argentino Pablo De Blasis converteu a penalidade aos 52 minutos do primeiro tempo, fechando a conta aos 33 da segunda etapa.

"No momento não vi a mão, mas depois de ver as imagens... Definitivamente tinha uma mão. É algo pouco habitual e compreendo o descontentamento do clube", disse Winkmann.

"O apito para o intervalo interrompe o jogo. A decisão não poderia ter sido possível depois do apito final", acrescentou o colegiado após retirar os jogadores do vestiário para cobrarem a penalidade.

O responsável do sistema VAR, Lutz Michael Froelich, indicou à Eurosport que "ninguém quer ver estas cenas. Não é uma boa publicidade, mas neste caso específico não se podia fazer outra coisa".

Até o técnico do Mainz, Sandro Schwarz, admitiu que o tempo da sinalização não foi certo, mas qualificou a decisão de "absolutamente correta" após ver as imagens novamente.

A Bundesliga e a Serie A testam o VAR nesta temporada. O recurso foi aprovado para ser utilizado na Copa do Mundo da Rússia-2018.

* AFP

 
A Notícia
Busca