Com experientes, Avaí começa a luta pelo retorno à elite diante do Vila Nova - Esportes - A Notícia

Vers?o mobile

 

Série B14/04/2018 | 08h12Atualizada em 14/04/2018 | 08h12

Com experientes, Avaí começa a luta pelo retorno à elite diante do Vila Nova

Pronto para a estreia contra, Leão confia na base que levou o time para a Série A de 2017

Com experientes, Avaí começa a luta pelo retorno à elite diante do Vila Nova Arte DC/Arte DC
Foto: Arte DC / Arte DC
DC Esportes
DC Esportes

Apostar em jogadores que conhecem o caminho na Série B do Brasileiro é o trunfo do Avaí para retornar à elite do futebol nacional. Rebaixado no ano passado, o Leão estreia diante do Vila Nova neste sábado, às 16h30min, no Serra Dourada em Goiânia. Do elenco que esteve no último acesso do time, em 2016, 10 atletas permanecem na Ressacada, sendo que sete foram titulares no último jogo: empate por 2 a 2 contra o Goiás pela Copa do Brasil.

Alemão, Betão, João Paulo, Judson, Luan, Renato e Romulo, que com 12 gols foi o artilheiro do Avaí, estavam na campanha do time na Série B de 2016. Junto deles - e que ainda estão no plantel atual - soma-se o goleiro Kozlinski, o lateral-esquerdo Capa e o meia Marquinhos, imprescindível na arrancada rumo ao acesso. Todos também sob o mesmo comando: Claudinei Oliveira, que completou 100 jogos à frente do Leão na última quarta-feira. 

O sonho de ter o mesmo final de dois anos atrás, fez o Avaí ir ao mercado para se reforçar. O grupo que terminou o Catarinense na sexta colocação ganhou cinco peças para setores considerados carentes. Chegaram o lateral-esquerdo Capa (ex-Sport), o volante Matheus Barbosa (ex-Tubarão), os meias Pedro Castro (ex-Sport) e Renato (ex-Ceará) e o atacante Rodrigão (ex-Santos). Todos estão à disposição, sendo que os dois últimos da lista já atuaram contra o Goiás.

Apesar de buscar uma boa largada, diferente do que foi em 2016 quando perdeu do Bahia por 2 a 1 também fora de casa, Claudinei Oliveira está focado na Copa do Brasil. O Leão enfrenta o Goiás no duelo de volta na próxima quarta-feira e no clube existe a possibilidade de evitar o desgaste de alguns jogadores, uma vez que a prioridade é pela classificação às oitavas de final por causa da vantagem financeira. Uma nova passagem de fase garantirá ao Avaí uma premiação total maior do que toda a cota de TV disponibilizada pela Série B inteira em 2018.

FICHA TÉCNICA 

VILA NOVA
Mateus Pasinato; Maguinho, Wesley Matos, Diego Giaretta e Gastón Filgueira; Geovane, Moacir (Mateus Anderson), Wellington Reis e Elias; Reis e Lincom. Técnico: Hemerson Maria
AVAÍ
Aranha; Guga, Alemão, Betão e João Paulo; Judson, Luan, André Moritz e Renato; Romulo e Beltrán. Técnico: Claudinei Oliveira.

ARBITRAGEM: Antônio Dib Moraes de Sousa, auxiliado por Rogério de Oliveira Braga e Thyago Costa Leitão (trio do PI).
DATA E HORA: sábado às 16h30min.
LOCAL: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Leia mais notícias sobre o Avaí no DC

 
A Notícia
Busca