"Eles foram melhores", reconhece técnico do PSG - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

Paris06/03/2018 | 20h27

"Eles foram melhores", reconhece técnico do PSG

AFP
AFP

O técnico do PSG, Unai Emery, não hesitou em reconhecer que os jogadores do Real Madrid "foram melhores", após a derrota por 2 a 1 no jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões que selou a eliminação do clube francês.

"É uma decepção, mas ao mesmo tempo perdemos para o Real Madrid, não conseguimos, eles foram melhores. Temos que felicitá-los e vamos seguir com nosso trabalho", declarou Emery após a partida.

Emery considerou que teve 50% do controlo do jogo de ida, mas sua equipe "não foi capaz de aproveitar isso para trazer um melhor resultado. Eles foram capazes de fazer essa diferença em seus 50%", vencendo o jogo no Santiago Bernabeu por 3 a 1.

"Hoje, acredito que 60% foram deles e 40% nossos", completou.

"Os primeiros 25 minutos foram deles, poderiam ter marcado, mas conseguimos não sofrer gol. Nos últimos 2 minutos do primeiro tempo fomos capazes de nos aproximar, de ter chances, mas não aproveitamos".

"O início do segundo tempo foi na mesma inércia, estávamos mais próximos do gol e podendo marcar, mas o gol deles acabou com essa possibilidade", explicou.

"Depois, a expulsão de Verratti nos tirou qualquer chance", disse o técnico, que reconheceu a falta que fez ao PSG o lesionado Neymar.

"Temos que estar preparados para jogar em todas as circunstâncias possíveis, com um jogador ou sem um jogador. Neste caso a perda de Neymar é importante, e não sabemos o que teria acontecido se estivesse em campo", afirmou Emery, que preferiu não comentar se esta derrota poderá significar o fim de sua passagem no PSG.

"É preciso analisar as coisas com frieza e voltar a nos concentrar no Campeonato Francês, na Copa da Liga, na qual temos uma final contra o Monaco no fim do mês, e na Copa da França", se limitou a dizer Emery.

* AFP

 
A Notícia
Busca