City perde para Basel, mas avança sem sustos às quartas da Champions - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

Manchester07/03/2018 | 19h10

City perde para Basel, mas avança sem sustos às quartas da Champions

AFP
AFP

O Manchester City, que havia goleado (4-0) no jogo de ida o Basel, se classificou nesta quarta-feira às quartas de final da Liga dos Campeões, apesar da derrota por 2 a 1 em casa diante do clube suíço.

O atacante brasileiro Gabriel Jesus chegou a abrir o placar para o City aos 8 minutos de jogo, mas o Basel conseguiu buscar uma digna virada com gols do norueguês Mohamed Elyounoussi, aos 17, e Michael lang, aos 26 do segundo tempo.

O Manchester City, que optou por um time repleto de reservas, não perdia em casa na competição continental desde setembro de 2015, há 12 jogos. Mas, graças ao festival apresentado na Suíça, o tropeço não teve consequências.

Campeão da Copa da Liga inglesa e com uma mão na taça na Premier League, a equipe de Pep Guardiola segue sonhando em conquistar o continente.

É apenas a segunda vez na história do clube que o City chega às quartas de final da Champions em sete participações. Em 2016, os Citizens foram eliminados nas semifinais pelo Real Madrid.

O City descobrirá seu adversário na próxima fase em 16 de março, quando será uma das equipes mais temidas do sorteio.

- Sané isolado -

O City não conseguiu repetir a exibição de gala apresentada na Suíça no jogo de ida, quando vencia por 3 a 0 após 25 minutos de jogo. Nesta quarta-feira, o time de Guardiola focou seus esforços em gerenciar a vantagem, talvez um pouco demais...

Com jogadores importantes como Kevin de Bruyne, Sergio Aguero e David Silva poupados, o City sofreu em sua criação ofensiva, mostrando pouca imaginação. Somente Leroy Sané conseguia levar perigo ao gol adversário, sempre pela ponta esquerda.

Foi o habilidoso alemão o responsável pela jogada de abertura do placar: depois de se livrar da marcação, Sané abriu para Bernardo Silva na direita. O português levantou a cabeça e cruzou rasteiro, na medida para Gabriel Jesus empurrar para as redes.

O gol do jovem brasileiro de 20 anos foi uma das raras boas notícias da noite para Guardiola. Jesus foi titular pela primeira vez em três meses, após se recuperar de grave lesão no joelho, e não balançava as redes desde 18 de novembro.

Mas, com cinco gols de vantagem no placar agregado, o City acabou tendo uma queda de rendimento. Do outro lado, um corajoso Basel, que já havia derrotado o Manchester United na fase de grupos, foi para cima em busca de uma eliminação mais digna.

Elyounoussi e Lang conseguiram virar a partida para o conjunto suíço, que volta para casa de cabeça erguida, conseguindo fazer algo que poucos conseguiram nesta temporada: derrotar o City de Guardiola.

* AFP

 
A Notícia
Busca