Sevilla e Manchester United medem forças nas oitavas da Champions - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

Sevilha20/02/2018 | 13h54

Sevilla e Manchester United medem forças nas oitavas da Champions

AFP
AFP

O Sevilla recebe nesta quarta-feira o Manchester United na ida das oitavas de final da Liga dos Campeões e busca dar um passo rumo a uma rara classificação às quartas, fase que alcançou apenas uma vez em sua história.

A equipe espanhola não aparece entre as oito melhores equipes da Europa desde sua estreia na maior competição de clubes do continente em 1957/1958, quando foi derrotado pelo Real Madrid (8-0, 2-2).

"É uma oportunidade perfeita para passar às quartas e fazer história", declarou nesta terça-feira em coletiva de imprensa o defensor Sergio Escudero.

Nesta quarta-feira, num lotado estádio Sánchez Pizjuán, o Sevilla buscará um resultado que lhe dê uma vantagem para chegar ao jogo de volta, em Old Trafford, mais tranquilo.

- Jogar com atrevimento -

O técnico do Sevilla, o italiano Vincenzo Montella, poderá contar com seus principais jogadores. O argentino Ever Banega e o colombiano Luis Muriel, que vinham sofrendo com problemas musculares nos últimos dias, treinaram com o elenco e estão prontos para o jogo.

Quem também voltou aos treinos nesta segunda-feira foi o argentino Joaquín Correa, que no sábado precisou ser substituído da partida do Campeonato Espanhol contra o Las Palmas.

"São jogos do maior nível possível e é preciso jogar com concentração, cabeça, físico, técnica, velocidade. Amanhã teremos que jogar desta maneira, e teremos também que jogar de maneira atrevida", adiantou Montella.

O Sevilla enfrentará pela primeira vez na Champions o Manchester United, que chega às oitavas de final da competição pela primeira vez desde a temporada 2013/2014.

Após conquistar a última edição da Liga Europa, os Diabos Vermelhos querem subir de patamar nesta temporada, na qual o técnico José Mourinho já desistiu da briga pelo título do Campeonato Inglês.

Segundo colocado da Premier League a 16 pontos do líder, o arquirrival Manchester City, a Champions, conquistada pela última vez em 2008, aparece como grande objetivo do United. O clube inglês, porém, chega ao duelo contra o Sevilla repleto de dúvidas por lesões.

- Alexis de volta à Espanha -

Mourinho praticamente descartou poder contar com Marcos Rojo, Phil Jones, Marouane Fellaini e Zlatan Ibrahimovic para o confronto desta quarta. Por outro lado, deverá contar com as voltas de Marcus Rashford e Ander Herrera.

Os desfalques de Rojo e Jones poderiam promover a entrada de Eric Bailly na zaga titular.

No ataque, o belga Romelu Lukaku aparece como a esperança de gols e contará com o apoio de Alexis Sánchez, ex-jogador do Barcelona e contratação estelar do United em janeiro.

"Somos uma grande equipe, com grandes jogadores, defensivamente somos muito fortes, temos jogadores na frente muito rápidos, com muita qualidade e que marcam muitos gols", alertou o goleiro do United, o espanhol David de Gea, em entrevista ao site da Uefa.

"Acho que somos uma equipe compacta, forte e essas são nossas melhores armas", completou.

- Prováveis escalações:

Sevilla: Sergio Rico - Navas, Mercado, Lenglet, Escudero - N'Zonzi, Banega - Sarabia, Franco Vázquez, Correa (ou Nolito) - Muriel. Técnico: Vincenzo Montella (ITA)

Manchester United: De Gea - Valencia, Bailly, Smalling, Young - Matic, Pogba - Lingard, Alexis, Martial - Lukaku. Técnico: José Mourinho (POR)

* AFP

 
A Notícia
Busca