Coreia do Norte defende plano de desfile militar antes das Olimpíadas - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

 

Seul03/02/2018 | 15h29

Coreia do Norte defende plano de desfile militar antes das Olimpíadas

AFP
AFP

A Coreia do Norte defendeu no sábado (3) seus planos de realizar um desfile militar no dia anterior à aberturados Jogos Olímpicos de Inverno em Pyeongchang, no dia 9 de fevereiro.

Durante anos, o desfile foi realizado no dia 25 de abril. Neste ano, com seu 70º aniversário, as forças armadas passaram as celebrações para o dia 8 de fevereiro.

"Ninguém tem o direito de se incomodoar", advertiu Rodong Sinmun, o jornal oficial do Partido dos Trabalhadores norte-coreano."É tradicional e muito comum que qualquer país leve muito a sério a fundação de suas forças armadas", explicou o jornal.

Os Jogos Olímpicos de Inverno estão sendo organizados pela Coreia do Sul, e sua vizinha comunista do norte decidiu, no mês passado, que desejava participar.

Fotos de satélite mostraram soldados e veículos blindados ensaiando o que parece ser um desfile na capital norte-coreana, Pyongyang.

O ministro de Reunificação sul-coreano, Cho Myoung-Gyon, advertiu recentemente que esse desfile será muito problemático e ameaçador, o que suscitou irritação do regime da Coreia do Norte.

Na segunda-feira passada (29), o país decidiu suspender um evento cultural com a Coreia do Sul como protesto pelas críticas.

* AFP

 
A Notícia
Busca