Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo finalistas do prêmio 'The Best' da Fifa - Esportes - A Notícia

Versão mobile

Londres22/09/2017 | 12h35

Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo finalistas do prêmio 'The Best' da Fifa

AFP
AFP

Neymar, Lionel Messi e Cristiano Ronaldo são os três finalistas do prêmio 'The Best' de melhor jogador do ano, concedido pela Fifa, segundo as indicações anunciadas nesta sexta-feira, em Londres.

Neymar, de 25 anos, ganhou em 2017 a Copa do Rei com o Barcelona, antes de sua contratação recorde pelo Paris Saint-Germain, que pagou por ele 222 milhões de euros. O brasileiro é o jogador mais caro da história do futebol mundial.

Cristiano Ronaldo venceu o prêmio no ano passado, depois que conquistar a Liga dos Campeões com o Real Madrid e a Eurocopa com Portugal. O português é favorito para conseguir o troféu outra vez outra vez, pois conquistou o bicampeonato consecutivo inédito da Champions e foi campeão da Liga espanhola.

Se o favoritismo se confirmar, CR7 vai se igualar ao argentino Lionel Messi, que venceu a Copa do Rei e a Supercopa da Espanha 2016. O craque do Barcelona é o recordista de Bolas de Ouro com 5 e iniciou a nova temporada com 12 gols em 8 jogos.

O prêmio "The Best" foi criado no ano passado, depois de seis anos em que a Fifa e a revista France Football entregaram a Bola de Ouro conjuntamente. A publicação continua entregando o prêmio, mas a maior entidade do futebol criou novo troféu para o melhor jogador do mundo.

A cerimônia vai ser realizada em Londres, dia 23 de outubro. A eleição é feita com votos de técnicos das seleções, capitães de seleções, jornalistas e torcedores.

Entre os melhores treinadores, a disputa é entre o francês Zinedine Zidane (Real Madrid) e os italiano Antonio Conte (Chelsea) e Massimiliano Allegri (Juventus).

- Venezuelana prodígio -

No futebol feminino, a grande notícia foi a inclusão da jovem venezuelana de 18 anos Deyna Castellanos entre as três finalistas. A surpresa vai concorrer contra a americana Carli Lloyd, vencedora no ano passado, e a estrela holandesa Lieke Martens.

Não vai ser o único prêmio que Castellanos vai disputar. A jogadora faz parte dos dez candidatos ao prêmio Puskas de gol mais bonito.

Deyna defende o americano Florida State e ficou conhecida em 2016, quando guiou a Venezuela ao título sul-americano sub-17 e ao quarto lugar do Mundial da categoria, disputado no mesmo ano na Jordânia.

É a única latino-americana nas categorias femininas dos prêmios Fifa, além de ser a mais jovem a aspirar o troféu de melhor jogadora de futebol do mundo.

Entre os técnicos do futebol feminino, os candidatos são Sarina Wiegman (Holanda), Nils Lielsen (Dinamarca) e GHerar Precheur (Lyon).

- Navas contra Buffon -

Entre os nomeados a melhor goleiro, o costa-riquenho Keylor Navas (Real Madrid) foi incluído na lista ao lado dos habituais italiano Gianluigi Buffon (Juventus) e alemão Manuel Neuer (Bayern de Munique).

Navas chega fortalecido com o grande ano defendendo o clube merengue, campeão da Liga espanhola e da Liga dos Campeões.

O principal rival deve ser Buffon, de 39 anos, que foi campeão italiano e vice-campeão da Champions.

Neuer, campeão da Bundesliga, está atualmente lesionado e desfalca a equipe até janeiro. O arqueiro alemão atravessou ano marcado por lesões.

* AFP

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros