Inter leva gol no final, perde para o Botafogo e permanece no Z-4 - Esportes - A Notícia

Versão mobile

Não deu12/10/2016 | 23h37Atualizada em 13/10/2016 | 00h15

Inter leva gol no final, perde para o Botafogo e permanece no Z-4

Cariocas marcaram com Sassá, em cobrança de pênalti

Inter leva gol no final, perde para o Botafogo e permanece no Z-4 Ricardo Duarte/Divulgação/Inter
Foto: Ricardo Duarte / Divulgação/Inter

O pênalti que fez os colorados se encherem de esperança na semana passada deu outro golpe nesta luta para escapar do rebaixamento. Nesta quarta-feira, no Estádio Luso Brasileiro, o Inter perdeu por 1 a 0 para o Botafogo. O gol, a cinco minutos do final, veio em pênalti discutido. Com o resultado, o time segue no Z-4 mais uma rodada. Domingo, encara o Flamengo e, ganhar, é quase uma questão de vida ou morte.

Os melhores em campo no primeiro tempo foram Aírton e Anselmo. Por aí você tem uma ideia do que foram os 45 minutos iniciais de Botafogo x Inter. Um pavor. Um espetáculo à altura do que é o Luso-Brasileiro, a casa da Portuguesa carioca alugada pelo Botafogo na Ilha do Governador. Trata-se de um estádio improvisado, com iluminação precária e um gramado irregular. Isso, é justo que se diga, também colaborou para a falta de qualidade do jogo.

Leia mais:
Confira a tabela do Brasileirão
Carvalho reclama de pênalti marcado contra o Botafogo: "O árbitro errou"
"Não houve pênalti", diz Diori Vasconcelos sobre lance polêmico na derrota do Inter

O que se viu foram dois times transpirando muito e pensando pouco. Não houve articulação e, quando se tentava fazê-la, tudo parava no erro de passes ou em trombadas — o árbitro baiano Marielson Alves Silva adotou como critério deixar o jogo andar e não o parava nem mesmo quando o lance exigia marcação de falta. Aos 27 minutos, a partida contabilizava 30 passes errados (15 15 para cada lado). Na média, mais de um por minuto.

Mas como no cenário atual do Inter plasticidade é o de menos, o jogo estava favorável. Principalmente depois da derrota do Sport para a Chapecoense. Um empate era o que bastava para tirar os colorados do Z-4. E o time fazia por onde segurar. Anselmo vigiava bem Camilo, e William, Neílton. A ideia era adiantar a marcação, roubar a bola e sair em alta velocidade. O time cumpria as duas primeiras tarefas. O problema era a saída para o ataque. Alex ficava no meio do caminho, e Valdívia errava quando tinha a bola para ligar com Vitinho. A primeira chegada do Inter foi aos 18 minutos, em cruzamento de Ceará. Aos 22, Ferrareis dominou na direita, limpou para o meio e chutou desviado.

Leia mais:
Wianey Carlet: Inter morreu no garfo baiano sem direito a espernear

O Botafogo, com Aírton de dono do meio-campo, liberava Lindoso e Dudu Cearense. Foi esse que, os 30, chutou de fora da área e obrigou Danilo Fernandes a espalmar para escanteio. Na cobrança, a sorte soprou para o Inter. Carli pegou livre na área e chutou. Mas acertou Dudu Cearense, que tirou o gol do seu time. O Inter ainda teve dois chutes com Vitinho e Valdívia, tortos. Quem chegou perto do gol foi Neílton. Às costas de Ceará, dominou dentro da área e deslocou Danilo. Mas o chute roçou o poste oposto e saiu pela lateral.

Jair Ventura voltou do intervalo com Pimpão, meia ofensivo, no lugar de Dudu Cearense, e Sassá no de Vinícius. O Botafogo ficou mais agudo e se instalou no ataque. Mas o Inter se fechou bem e esperou o momento de sair em contra-ataque. Aos 20, veio a chance. Vitinho recebeu de Anselmo na linha divisória. Dentro da área, driblou o segundo marcador e chutou para grande defesa de Sidão. Aos 25, outra vez Vitinho. Ele pegou o rebote na risca da área e chutou por cima. Só que aos 40, em contra-ataque, quatro contra dois, Eduardo enroscou-se com Sassá e derrubou-o. Mas o árbitro deu pênalti porque a bola roçou em seu braço. Sassá cobrou e fez 1 a 0. Nesta quarta-feira, o Inter não merecia. Para piorar, William levou o terceiro amarelo e não enfrentará o Flamengo.

Leia outras notícias sobre o Inter

Acompanhe o Inter através do Colorado ZH. Baixe o aplicativo:

IOS

Android

*ZHESPORTES


 
 
  •  
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros