Avaí não faz boa partida e perde para o líder Atlético-GO em Goiânia - Esportes - A Notícia

Versão mobile

3 a 008/10/2016 | 17h54Atualizada em 08/10/2016 | 20h21

Avaí não faz boa partida e perde para o líder Atlético-GO em Goiânia

Leão estava há nove jogos sem perder na Série B do Brasileiro

Avaí não faz boa partida e perde para o líder Atlético-GO em Goiânia Carlos Costa/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Foto: Carlos Costa / FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Chegou ao fim a invencibilidade do Avaí após nove jogos. Na tarde deste sábado, o Leão não fez uma boa apresentação e acabou sendo derrotado por 3 a 0 pelo líder da Série B, o Atlético-GO. Com desfalques importantes de Marquinhos, João Filipe, Lucas Coelho e Fábio Sanches, o time catarinense sentiu e não conseguiu segurar o Dragão, que jogou solto, dominou desde o início, construiu o resultado de forma natural e ampliou a vantagem na ponta da tabela, com 55 pontos. 

Apesar da derrota, o Avaí segue no G-4 da competição, na quarta colocação, com 48 pontos, ainda na briga por uma vaga na elite do ano que vem. Os avaianos terão a semana inteira para treinar e se preparar para enfrentar o Tupi, no próximo sábado, dia 15, às 21h, no Estádio da Ressacada.

A arrancada do Leão que deu início à série de oito vitórias e um empate começou no dia em que Evando ficou à frente do time avaiano na vitória sobre o Sampaio Corrêa, no dia 23 de agosto. Mas, no jogo deste sábado, ao substituir Claudinei Oliveira, suspenso, o Iluminado não teve a mesma sorte. O auxiliar técnico do Leão tentou, fez modificações desde o intervalo, mas nada surtiu efeito e apenas o Dragão jogou.

O primeiro gol do Atlético-GO foi de pênalti, aos 28 do primeiro tempo. Luan tentou cabecear, a bola pegou no braço do atleta e o árbitro acabou marcando a penalidade. Júnior Viçosa cobrou e marcou. Aos 43 o Dragão ampliou, de novo, com Júnior Viçosa. Em mais uma boa jogada pela esquerda, a bola sobrou para o atacante concluir de perna esquerda, de primeira.

Segundo tempo

Diante do que apresentou na etapa inicial, o Avaí precisaria fazer um segundo tempo de recuperação, mas não conseguiu. Romarinho voltou entre os titulares no lugar do garoto Vitor e, logo no comecinho, Diego Jardel sofreu falta na área, mas na cobrança desperdiçou e mandou para fora, sem levar perigo ao gol de Klever. Aos 13, Caio César recebeu na esquerda, levou, mas concluiu para fora, sem ângulo. E ficou por isso, até que aos 20, o Leão sofreu mais um golpe. Luiz Fernando marcou o terceiro para o Dragão e fechou o placar em Goiânia.

Ficha técnica

Atlético-GO (3)
Kléver; Matheus Ribeiro, Ricardo Silva, Marllon e Romário; Pedro Bambu, Michel, Jorginho (Matheus Carvalho), Luiz Fernando (Caíque) e Gilsinho; Júnior Viçosa (Edson Júnior)

Técnico: Marcelo Cabo

Avaí (0)
Renan; Alemão (Tatá), Betão, Gabriel e Capa; Luan, Caio César, Renato e Diego Jardel (Jajá); Romulo e Vitor (Romarinho)

Técnico: Evando

Gols: Júnior Viçosa, aos 31 minutos e aos 43 do 1º tempo (AT); Luiz Fernando, aos 20 do segundo tempo (AT)
Cartões amarelos: Alemão, Betão (AV); Luiz Fernando (AT)

Arbitragem: Gilberto Rodrigues Castro Junior, auxiliado por Marlon Rafael Gomes de Oliveira e Ricardo Bezerra Chianca (trio de PE)
Local: Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia

Público total: 11.260
Renda: R$ 105.680,00

Leia mais:
Poupado, Marquinhos desfalca o Avaí contra o Atlético-GO
Torcida do Avaí faz festa para o time antes de viagem a Goiânia

 
 
  •  
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros