Basquete Joinville perde na primeira partida em casa - JEC - Esportes - A Notícia

Versão mobile

 

NBB22/10/2018 | 20h46Atualizada em 22/10/2018 | 23h50

Basquete Joinville perde na primeira partida em casa

Equipe não resistiu ao ótimo desempenho em bolas de três do Pinheiros na noite desta segunda-feira, no Centreventos

Basquete Joinville perde na primeira partida em casa Lucas Alvarez / Basquete Joinville/Basquete Joinville
Foto: Lucas Alvarez / Basquete Joinville / Basquete Joinville

O Basquete Joinville finalmente atuou diante de seu torcedor na noite desta segunda-feira, mas não foi páreo para o Pinheiros-SP, que manteve 100% de aproveitamento no Novo Basquete Brasil (NBB). Com um primeiro quarto muito ruim - no qual viu o adversário abrir 14 a 0 -, os joinvilenses acabaram derrotados por 87 a 68. 

Pesou também o ótimo desempenho dos paulistas nas bolas de três - foram 19 acertos em 43 tentativas, um bom aproveitamento de 44%. Com 24 pontos e oito acertos em bolas de três, Betinho, cestinha do jogo, comandou a vitória paulista. No Joinville, Weihermann foi o cestinha com 21 pontos. 

Com duas vitórias e duas derrotas na competição, a equipe volta à quadra no dia 29, fora de casa, em Belo Horizonte, diante do Minas, às 20h. A segunda partida em casa ocorrerá no dia 1º  de novembro, contra o Corinthians, às 19h. 

O Basquete Joinville não começou bem a partida. Com as bolas de três não caindo (foram nove tentativas e apenas dois acertos) e poucos rebotes (somente seis no primeiro quarto), os joinvilenses viram o Pinheiros abrir uma grande vantagem logo no começo do jogo. A primeira cesta do Joinville aconteceu apenas a 4min55s do fim do primeiro período. A esta altura, os paulistas já venciam por 14 a 0 - diferença construída com duas bolas de três de Renato e duas de Isaac. 

Os donos da casa só pontuaram nas bolas de três de Dieguinho e  Weihermann (que ainda converteu três lances livres). O placar do período terminou com justamente os 14 pontos de vantagem conquistados pelo Pinheiros nos primeiros cinco minutos: 23 a 9. 

No segundo quarto, o Basquete Joinville se equilibrou. A defesa melhorou consideravelmente, mas a equipe continuou anotando poucos pontos. Em algumas oportunidades, chegou a desperdiçar lances fáceis, debaixo da cesta - em duas ocasiões com o pivô Jerônimo e em outra com André Bambu. 

Houve um esboço de reação a partir de duas bolas de três de  Weihermann, a pouco mais de três minutos do fim do período. Ali, a diferença caiu para oito pontos. O problema é que as bolas de três do Pinheiros também começaram a cair. Bennett, Toledo e  Dawkins  (duas vezes) ajudaram os visitantes a manter a diferença de 14 pontos no fim do segundo quarto: 41 a 27. 

A reação, de fato, aconteceu no terceiro quarto. Com três pontos de Felipe Vezaro, cinco de Jefferson Socas e dois de Weihermann, o Joinville abriu 10 a 0 e diminuiu a diferença para quatro pontos. Mas os acertos nos lances livres de Bennett, a bola de três de Ruivo e três bolas de três de Betinho colocaram o Pinheiros com vantagem de 16 pontos.

No fim do terceiro quarto, o Joinville voltou a entrar no jogo, mas bastou o Pinheiros arriscar novamente na bola de três para ter 15 pontos de vantagem no fim do terceiro quarto: 63 a 48.

No último quarto,  os visitantes não precisaram se arriscar tanto para administrar a vantagem e confirmar a vitória. O período terminou com 24 a 20 para os paulistas e o jogo com 87 a 68. 

 

Siga JEC na Rede no Twitter

A Notícia
Busca