JEC/Krona estreia na fase de mata-mata da Liga Futsal nesta segunda - JEC - Esportes - A Notícia

Versão mobile

Esportes 17/09/2017 | 20h20Atualizada em 17/09/2017 | 20h21

JEC/Krona estreia na fase de mata-mata da Liga Futsal nesta segunda

Tricolor encara o Concórdia e defende vantagens para se aproximar da vaga na próxima fase

JEC/Krona estreia na fase de mata-mata da Liga Futsal nesta segunda Divulgação/Assessoria do JEC
Vander Iacovino terá ausências de Fernando e Jackson nesta partida Foto: Divulgação / Assessoria do JEC

Para o torcedor, sobra emoção. Aos protagonistas, é o momento de redobrar a atenção – especialmente quando alguns deles são favoritos, como o JEC/Krona. O Tricolor estreia na fase de mata-mata da Liga Nacional de Futsal nesta segunda, às 20h15, em Concórdia, diante dos donos da casa. A partir de agora, qualquer deslize pode ser fatal. Por isso, a equipe tenta arrancar um bom resultado nesta noite, no primeiro duelo das oitavas de final.

Leia as últimas notas de Elton Carvalho
Confira as últimas notícias do esporte 

O regulamento indica que o Joinville pode jogar por três empates – nos dois jogos e na prorrogação. Se houver uma vitória para cada lado, o JEC/Krona terá a igualdade a seu favor na prorrogação. Ou seja, a segunda colocação na fase de classificação do campeonato deu ao time vantagens importantes nesta altura da competição, ratificadas pelo técnico Vander Iacovino.

– Nosso planejamento, desde o começo do ano, era terminar entre os quatro primeiros para trazermos a disputa da vaga para Joinville e contarmos com as vantagens. Pretendíamos alcançar a primeira colocação, mas o segundo lugar ficou de bom tamanho – avalia Vander.

Sobre o fim da disputa de pênaltis, responsável pela eliminação do JEC/Krona nas quartas de final do ano passado, contra a Assoeva, Vander minimiza e prefere dizer que a equipe tirou lições da temporada anterior.

– O fator sorte também conta nos pênaltis, mas prefiro enxergar que o time ficou mais calejado. São lições que passam a servir agora. A vantagem é importante, mas precisamos fazer a nossa parte.

O fato de enfrentar um adversário catarinense, em tese mais conhecido do JEC/Krona, muda pouco a missão joinvilense. A maior preocupação do comandante é repetir as atuações que renderam a boa campanha na primeira fase.

Neste jogo, o JEC/Krona terá dois problemas. O fixo Fernando, suspenso, é um dos desfalques joinvilenses. Além dele, a equipe não contará com o ala Jackson, lesionado.





A Notícia
Busca