JEC já admite punição do STJD após arremesso de bombas no gramado - JEC - Esportes - A Notícia

Versão mobile

Série B24/09/2016 | 00h02

JEC já admite punição do STJD após arremesso de bombas no gramado

Clube pode ser enquadrado no artigo 213 do CBJD que prevê multa de R$ 100 a R$ 100 mil e perda de um a dez mandos de campo

JEC já admite punição do STJD após arremesso de bombas no gramado  Rodrigo Philipps/Agência RBS
Confusão ocorreu nos minutos finais da partida Foto: Rodrigo Philipps / Agência RBS

As bombas e os fogos arremessados no gramado da Arena, aos 44 minutos do segundo tempo da partida entre Joinville e Avaí, preocupam a direção do Tricolor, que admite estar sob grande risco de receber uma punição do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

O JEC deve ser enquadrado no artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). O artigo prevê multa de R$ 100 a R$ 100 mil, além da perda de mando de campo de um a dez partidas.

Como a integridade física dos atletas foi ameaçada em razão dos objetos atirados, o Joinville entende que a punição pode ser gravíssima.

Segundo Leonardo Roesler, advogado do clube, o primeiro trabalho para tentar minimizar a pena é identificar os torcedores por uso de imagens. Além de identificar os torcedores, o Joinville pretende registrar um boletim de ocorrência nas próximas horas.

Confira a tabela da Série B
Confira como foram os principais lances da partida

O JEC agora aguarda a divulgação da súmula do árbitro carioca Bruno Arleu de Araújo. É a partir deste documento que o STJD irá levar o caso a julgamento. Em entrevista coletiva, o técnico Ramon Menezes apenas lamentou o caso.

– É uma situação triste, mas infelizmente não podemos fazer nada a respeito. Temos é que trabalhar para poder tirar o Joinville desta difícil situação no campeonato – afirmou.

A NOTÍCIA

 
 

Siga JEC na Rede no Twitter

  •  
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros