Intenção de gastos com presentes para o Dia dos Pais cresce 17% em Joinville - Economia - A Notícia

Versão mobile

 

Comércio07/08/2018 | 17h34Atualizada em 07/08/2018 | 17h35

Intenção de gastos com presentes para o Dia dos Pais cresce 17% em Joinville

Aumento percentual é o maior entre os sete municípios com maior potencial de consumo do Estado. Em contrapartida, joinvilenses também serão os mais econômicos, aponta a Fecomércio

Intenção de gastos com presentes para o Dia dos Pais cresce 17% em Joinville Salmo Duarte/A Notícia
Vitrines chamam a atenção com produtos para o Dia dos Pais em Joinville Foto: Salmo Duarte / A Notícia

Os consumidores de Joinville devem ser os mais econômicos na compra de presentes para o Dia dos Pais, comemorado no domingo, 12 de agosto, frente ao planejamento de gastos dos demais catarinenses – média de R$ 146,77 por cliente no município ante R$ 158,06 no estado. Essa tendência está na pesquisa de Intenção de Compras do Dia dos Pais 2018 da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio/SC), que ouviu 2,1 mil pessoas nas sete cidades de maior potencial de consumo catarinense: Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joinville, Lages e Itajaí.

Apesar de gastar menos, os joinvilenses apontam maior crescimento no total investido no presente para os pais com relação à mesma data, no ano passado, considerando os sete centros pesquisados. Isso porque a intenção de gastos na cidade aumentou 17,34%, superando de longe o valor médio de R$ 125,08 de 2017, além de retomar o patamar de 2016, quando o levantamento apontou ticket na casa dos R$ 144,12. Já na ponderação estadual a expectativa é de leve alta de 1,8% no gasto médio na comparação com a intenção de gastos em 2017 (R$ 155,19). Este índice estimado traz otimismo aos lojistas para as vendas nesta semana, em Joinville.

Nas lojas de rua e nos shoppings, opções para a realização das compras de presentes para 68,4% e 23,6% dos consumidores, respectivamente, o movimento ainda é tímido e a torcida é para que a movimentação cresça entre quinta-feira e sábado. No fim de semana, inclusive, o comércio vai ampliar os horários de atendimento para atrair os compradores de última hora.

— O ditado de que o brasileiro deixa tudo para a última hora não costuma falhar, então estamos preparados e confiantes que vamos registrar maior procura por presentes na sexta e no sábado — comentam as vendedoras Lucimar e Stefany, da ‘Lira Brasil’ loja de roupas.

 JOINVILLE,SC,BRASIL,07-08-2018.Comércio prepara vitrines para aquecer  vendas do dia dos pais.Loja de calçados.(Foto:Salmo Duarte/A Notícia)
Ofertas e promoções chamam são usados como atrativos no comércioFoto: Salmo Duarte / A Notícia

O setor de vestuário, da qual elas têm comércio deve ser o principal impactado na cidade nesta semana com relação à celebração especial do Dia Dos Pais. Os itens do setor devem ser a opção de escolha para 60,1% dos consumidores. Na sequência aparecem as linhas de perfume e cosméticos (15,6%) e de calçados (12,6%).

No ‘Boticário’, uma das maiores redes de produtos de beleza do Brasil, por exemplo, a gerente Sandra Cristina Vicente estima crescimento de ao menos 6% no comparativo com o Dia dos Pais de 2017, na franquia, no Shopping Mueller. Por lá a aposta está nos combos e nos descontos com a venda de produtos casados para ganhar os clientes. Essa decisão vai de encontro à observação dos moradores de Joinville, que conforme o estudo da Fecomércio/SC são os que dão prioridade nos preços (87%) e promoções (6%) para fechar negócio. Já no Estado, o olho nesses quesitos é mais contido, sendo 38% o total dos que avaliam o preço em primeiro plano e, 21%, as liquidações.

— Ano passado o movimento já foi bom e, desta vez, apesar dessa timidez dos consumidores até agora, esperamos que haja aumento de última hora e esperamos um crescimento de 15% ou mais nas vendas — afirma o comerciante da ‘Pé Calçados’, Andres Sosa.

Nos principais shoppings da cidade, a comemoração também envolve brindes e sorteios para estimular o público. No Garten Shopping, que espera ter crescimento de 9% nas vendas pelos lojistas, a cada R$ 200 em compras, o consumidor tem direito a uma cerveja artesanal exclusiva. Já no Shopping Mueller, também para cada R$ 200 o cliente tem direito a um cupom para concorrer a uma motocicleta da marca Harley-Davidson.

 JOINVILLE,SC,BRASIL,07-08-2018.Comércio prepara vitrines para aquecer  vendas do dia dos pais.Lyra Brasil.(Foto:Salmo Duarte/A Notícia)
Comércio joinvilense espera crescimento nas vendas no Dia dos PaisFoto: Salmo Duarte / A Notícia

Perfil do consumidor

A Pesquisa de Intenção de Compras do Dia dos Pais 2018 da Fecomércio/SC aponta que, em Joinville, 63,1% dos que devem presentar na data são mulheres e, 36,9%, homens - a maioria deles na cada dos 18 a 25 anos (47,5%) e com carteira assinada (50,5%). O levantamento demonstra ainda que quase 80% dos consumidores devem pagar as compras à vista, no dinheiro.

Confira o gasto médio previsto por cidade

Blumenau: R$ 147,51
Chapecó: R$ 157,14
Criciúma: R$ 169,80
Florianópolis: R$ 162,07   
Joinville: R$ 146,77  
Lages: R$ 147,24  
Itajaí: R$ 176,03  
Santa Catarina: R$ 158,06  

 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaBasquete Joinville perde na primeira partida em casa https://t.co/t89p3YnBAo #LeianoANhá 7 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaGoleiro Matheus quer rescisão de contrato com o JEC. Entenda os motivos da ação judicial https://t.co/nVigS95XBw #LeianoANhá 7 horas Retweet
A Notícia
Busca