Empresa suíça que administrará o Hercílio Luz opera em Confins (MG) e no aeroporto de Zurique - Economia - A Notícia

Versão mobile

Florianópolis16/03/2017 | 12h47Atualizada em 16/03/2017 | 16h10

Empresa suíça que administrará o Hercílio Luz opera em Confins (MG) e no aeroporto de Zurique

Zurich Airport AG pagará, ao todo, R$ 241 milhões de outorga para gerir a estrutura catarinense

Empresa suíça que administrará o Hercílio Luz opera em Confins (MG) e no aeroporto de Zurique /
Zurich Airport AG pagará, ao todo, R$ 241 milhões de outorga. Foto: Divulgação
Diário Catarinense
Diário Catarinense

Vencedora do leilão de concessão do aeroporto Hercilio Luz, em Florianópolis, a operadora Zurich Airport AG já administra outro terminal brasileiro. Desde 2014, ela tem 25% do BH Airport, consórcio responsável pelo aeroporto de Confins. Os outros 75% são da brasileira CCR. 

Na Europa, a empresa administra o aeroporto de Zurich, o maior da Suíça, desde abril de 2000. São cerca de 25 milhões de passageiros e 270 mil voos ao ano. Também são transportados aproximadamente 400 mil toneladas de carga.

A Zurich tem cerca de 1.600 funcionários em quatro áreas de negócios. A empresa concentra-se nas suas atividades principais: operador aeroportuário nacional e internacional, exploração dos centros comerciais nas áreas de terra e ar, bem como gestão orientada para o rendimento e desenvolvimento de imóveis em Zurique.

A outra interessada em operar o aeroporto da capital catarinense era a francesa Vinci Airports, que arrebatou Salvador. Hoje, ela opera 35 terminais ao redor do mundo: 13 na França, dez em Portugal, seis na República Dominicana, três no Camboja, dois no Japão e um no Chile. 

Primeira etapa de melhorias do Hercílio Luz (2017 a 2025)

- Recapeamento e ampliação das existentes e construção de novas pistas de táxi aéreo.
- Construção de novo pátio para aviação regular, de 63 mil metros quadrados.
- Construção de novo terminal para passageiros, com 66 mil metros quadrados em dois pavimentos. 
- Novo estacionamento em frente ao terminal a ser erguido, com 65 mil metros quadrados. 
- Reforma do atual terminal para que se torne um terminal de aviação geral (voos particulares).
- Reforma do atual estacionamento para uso da aviação geral.
- Disponibilização de área de 15 mil metros quadrados para locadoras de veículos em frente ao novo estacionamento.

Leia também:

Zurich vence leilão e administrará o aeroporto de Florianópolis por 30 anos

Moacir Pereira: Ministro dos transportes confirma leilão do Hercílio Luz

Estela Benetti: "Novo aeroporto da Capital será fundamental para aumentar o fluxo", diz CEO do Conselho Mundial de Turismo

Estela Benetti: Aeroportos da Capital e Chapecó têm alta de passageiros em janeiro; Navegantes registra retração

TCU aprova estudo de viabilidade para concessão do aeroporto Hercílio Luz

Aeroportos de SC receberam 195 mil passageiros a menos em 2016

Projeto que prevê parque aeronáutico em Ratones, em Florianópolis, ainda não foi aprovado

tFrom:cms -->
 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaAcibalc passa a emitir certificado de exportação em Balneário Camboriú e Camboriú https://t.co/T1Xwpvvoyu #LeianoANhá 42 minutosRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaBuraco na avenida Paulo Schroeder, em Joinville, aumenta desde janeiro https://t.co/6E06MZJ9ky #LeianoANhá 1 horaRetweet
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros