Claudio Loetz: Novas regras do Minha Casa, Minha Vida afetam as cidades do Norte de SC - Economia - A Notícia

Versão mobile

Livre Mercado15/01/2016 | 07h07Atualizada em 15/01/2016 | 08h50

Claudio Loetz: Novas regras do Minha Casa, Minha Vida afetam as cidades do Norte de SC

Principal mudança trata do valor máximo dos apartamentos ou casas a serem financiadas pela Caixa Econômica Federal

As regras para o financiamento de imóveis do Programa Minha Casa, Minha Vida, (MCMV) na fase 3 mudaram itens que valiam nas etapas anteriores. A principal mudança que desagradou ao setor imobiliário é o que trata do valor máximo dos apartamentos ou casas a serem financiadas pela Caixa Econômica Federal.

Agora, os valores são relacionados ao tamanho das populações de cada município. As cidades com 20 mil a 50 mil moradores dificilmente serão atendidas. Isso porque o teto passou a ser de apenas R$ 100 mil. É o caso de Araquari, vizinha de Joinville. Até São Francisco do Sul se enquadra neste patamar baixo.

Certamente não haverá construtor disposto a fazer este desembolso porque a qualidade da construção será ruim. Obras do MCMV em Jaraguá do Sul e em São Bento do Sul ficarão restritas a um valor máximo de R$ 130 mil.

Até agora, o limite era de R$ 145 mil. Na região Norte de Santa Catarina, o novo regramento só vai ajuda o setor de construção para a baixa renda em Joinville. Isso ocorre porque no caso de cidades com mais de 250 mil moradores, o teto passou para R$ 180 mil.

As alterações, a vigorar em breve, praticamente inviabilizam o interesse de construtoras em atender a demandas das cidades com menos população. O presidente do Secovi Norte, Jorge Laureano, critica. E a mobilização política já é intensa para tentar reverter a situação.

Tão logo o Ministério das Cidades anunciou as novidades, reuniões com técnicos do ministério foram agendadas. Inclusive com deputados federais envolvidos nas negociações para o governo voltar atrás em sua decisão. Mais uma reunião poderá ser marcada para este mês de janeiro.

Leia as últimas notícias de Joinville e região
 
Leia outras notícias de Claudio Loetz

Ajustes

O Grupo Malwee, de Jaraguá do Sul, e a Lunender, de Guaramirim, ambas do setor têxtil, estão demitindo trabalhadores em razão da crise econômica. No ano passado, o setor têxtil da região Nordeste de Santa Catarina fechou 500 vagas. Outras 500 postos de trabalho vão desaparecer até junho deste ano, dizem lideranças empresariais. Até empresas pequenas já dispensam funcionários. Em 2015, a atividade econômica da indústria têxtil catarinense encolheu 26%. Alguma melhora no horizonte? Talvez no segundo semestre.

Insensatez

O consumidor com padrão classificado como “ostentação” não tem estratégia para economizar. Aceita, até, manter o lazer fora de casa cortar a alimentação em domicílio. É um insensato. Ele representa 8% do total de brasileiros aptos a fazer compras. O dado é da agência nova/sb.

Vendas

Rodrigo Felipe de Borba, 26 anos, é destaque nacional. Trabalha há três anos na Loja Chilli Beans do Garten Shopping, em Joinville. Ele é o campeão de vendas de 2015 entre todos os funcionários das mais de 600 lojas da franquia brasileira.

Emprego e informalidade

Estudo do Ipea Análise da dinâmica do emprego setorial de 2014 a 2015 divulga, nesta sexta-feira, análise com a a evolução do emprego e da informalidade no período de um ano, que vai do 4º trimestre de 2014 ao 3º trimestre de 2015, com a utilização de diferentes ferramentas metodológicas, como a análise de indicadores dos fluxos de trabalhadores entre diferentes status ocupacionais. Alguns dos setores analisados são os de comércio, construção, alimentação, serviços domésticos, administração pública, educação e agricultura/pecuária.

ISS

O Joinville e Região Convention & Visitors Bureau vai insistir num pedido já feito no ano passado: a desoneração do ISS para o setor de eventos. Improvável conseguir. A Prefeitura, sem caixa, não abrirá mão de nenhum centavo.

Varejo

A rede Berlanda reinaugurou sua loja em Balneário Camboriú, em novo ponto, onde funcionava o Ponto Frio. No dia 5 de fevereiro será inaugurada a ampliação da unidade de Rio do Sul. Por ora, nada mais.

Estampas para o mundo

O Elaiá, estúdio de estampas criado há dois anos em Santa Catarina, desenvolve e produz desenhos inspirados na diversidade da cultura e da natureza brasileiras. A marca está presente em dois eventos nos Estados Unidos: a Printsource NY (nos dias 12 e 13) e na Première Vision New York (nos dias 19 e 20), nos quais os fabricantes antecipam as tendências para a primavera-verão 2017. O Elaiá tem agentes na Europa, nos Estados Unidos e na Índia.

A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Livre Mercado 11/01/2016 | 07h04

Governo do Estado quer acelerar o cadastro de propriedades rurais em SC

Prazo termina no dia 5 de maio e, até agora, pouco mais da metade dos imóveis foram regularizados

Livre Mercado 09/01/2016 | 06h31

Balança Comercial de Santa Catarina tem déficit de R$ 4,96 bilhões em 2015

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior divulgou balanço nesta semana

Livre Mercado 08/01/2016 | 07h02

Perini reforça a segurança com instalação de novas câmeras de monitoramento

Complexo localizado na zona industrial de Joinville terá equipamentos que reconhecem as placas de veículos em apenas três segundos

Livre Mercado 06/01/2016 | 07h09

Celesc firma contrato de concessão com cinco usinas catarinenses por 30 anos

Assinatura do contrato ocorreu em Brasília, nesta terça-feira. Entre as usinas está a do Bracinho, localizada em Schroeder

Livre Mercado 05/01/2016 | 07h07

CDL de Joinville projeta crescimento de 10% nas vendas do comércio em janeiro

Para presidente da entidade, Luiz Kunde, a presença de turistas e a permanência de moradores na cidade têm contribuído para a perspectiva otimista neste início de ano

Livre Mercado 04/01/2016 | 07h02

Em Joinville, Caixa registra aumento de imóveis comercializados pelo Programa Minha Casa, Minha Vida em 2015

Foram comercializadas 1.918 unidades habitacionais, 45% mais do que em 2014

Livre Mercado 02/01/2016 | 12h17

Aeroporto de Joinville comemora avanços em 2015

Confira entrevista com Rones Rubens Heidemann, superintendente do aeroporto

Livre Mercado 30/12/2015 | 18h13

Walmart fecha unidades da rede Todo Dia em Joinville

Grupo americano não confirma número de unidades desativadas, apenas que serão "algumas"

Livre Mercado 30/12/2015 | 07h08

Mais da metade dos joinvilenses está com dívidas, diz pesquisa da Fecomércio

Índice de famílias endividadas na cidade atingiu 50,4% em dezembro. No ano passado, no mesmo mês, a taxa era 39,2%

Livre Mercado 29/12/2015 | 07h09

Mercado imobiliário de Joinville dá sinais de recuperação em alguns setores

Pesquisa encomendada pelo Sinduscon mostra que no terceiro trimestre deste ano foram comercializadas 40% mais unidades de prédios verticais do que no trimestre anterior

Livre Mercado 28/12/2015 | 06h31

Loetz: Trabalhadores das indústrias têxteis definem pauta de reivindicações

Documento tem 80 cláusulas e pede, entre outras coisas, a reposição da inflação oficial a partir de 1º de fevereiro

Livre Mercado 25/12/2015 | 19h12

Claudio Loetz, sobre 2016: "Luz no fim da escuridão? Sempre há. Precisaremos de paciência, determinação e disciplina"

Colunista faz análise sobre o que esperar da economia no ano que vem

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaAdolescente de Joinville conquista quarta medalha de ouro em Olimpíada Brasileira de Matemática https://t.co/R8r4oAufIx #LeianoANhá 4 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaMais de 4.500 estudantes participaram do Programa Educacional de Resistência às Drogas em 2017 https://t.co/rNXGdhjhPa #LeianoANhá 4 horas Retweet
A Notícia
Busca