Rubens: Prefeito sanciona lei que define cota para músicas locais em Joinville - Cultura e Variedades - A Notícia

Versão mobile

Orelhada05/07/2017 | 14h00Atualizada em 05/07/2017 | 14h00

Rubens: Prefeito sanciona lei que define cota para músicas locais em Joinville

Confira essa e outras notícias na coluna de Rubens Herbst

Rubens: Prefeito sanciona lei que define cota para músicas locais em Joinville Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Reunião na prefeitura Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Com a presença de representantes da Associação dos Músicos de Joinville (Amuj), da Rádio Joinville Cultural e da Secretaria de Cultura e Turismo (Secult), além do autor do projeto, o vereador Fábio Dalonso, o prefeito Udo Döhler sancionou ontem a lei que garante 15% da programação diária da emissora pública a músicas produzidas em Joinville. O percentual de reserva já era aplicado pela rádio, mas o objetivo de Dalonso era garanti-lo legalmente.

– A proposição simboliza o apoio ao consumo dos nossos produtos culturais, que vai além da música. Todos nós devemos abraçar essa causa e valorizar a dança, teatro, poesia, desenho, pintura, escultura, grafite e toda forma de expressão cultural produzida em Joinville – defendeu o vereador, que lançou a iniciativa na Câmara em 2016.

Encerrado o processo, cabe levantar algumas questões que, na real, servem para estimular a aplicação da agora lei. A cidade tem produção para preencher o espaço diário reservado sem cair na repetição? O benefício provocará um aumento na produção musical local? Os músicos abraçarão a causa, fornecendo material de qualidade para a emissora? E a audiência se mostrará receptiva a tantos sons ¿made in Joinville¿?

Leia as últimas notícias de Joinville e região no AN.com.br
Confira outras colunas de Rubens Herbst

Bravos soldados

Em primeira mão, a capa da edição especial da revista em quadrinhos Liga dos Bombeiros Voluntários, produzida para comemorar os 125 anos da corporação. Com desenhos dos irmãos Feitosa, a trama do gibi – fruto de um projeto educativo que está no quarto número – viajará no tempo junto com o quarteto de soldados protagonistas, que voltará até 1892 para mostrar a evolução do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville. O lançamento está marcado para o dia 14, no Shopping Mueller, seguido de distribuição gratuita da revistinha. 

Por dentro da bateria

Bateristas, técnicos de som, produtores, estudantes de música e músicos profissionais não perdem por esperar o resultado do projeto Microfonação de Bateria, concebido pelo baterista Rafael Vieira e pela designer Ana Carol Carvalho. Validado pelo Simdec, ele consiste de seis vídeoaulas com conceitos, setups e aplicações dos microfones na captação do som da bateria, além da demonstração prática por uma superbanda montada especialmente para o projeto. Todo o conteúdo será oferecido online, gratuitamente, neste segundo semestre. Como contrapartida, serão realizados dois workshops em Joinville, um deles no dia 13, na Casa da Cultura. As inscrições são grátis e valem pelo e-mail microfonacao@gmail.com.

Campanha

O cantor e compositor de Joinville Jesus Luhcas acaba de colocar no ar a campanha de financiamento coletivo de seu disco de estreia, batizado de Isso é Amor. A meta é arrecadar, por meio do site catarse.me, R$ 28 mil em dois meses. Com o dinheiro, Jesus pretende fazer toda a produção do CD, da gravação à prensagem e a divulgação dele. Aos apoiadores, as recompensas também estão listadas no Catarse.

Edital

A Fundação Catarinense de Cultura divulgou ontem, em seu site (fcc.sc.gov.br), a lista dos 1.543 projetos habilitados a concorrer aos recursos do Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura. Desses, 102 são originários de Joinville. O processo passa agora para a fase de recursos dos barrados e, depois, para a avaliação das propostas pelas bancas. A lista dos beneficiados sai no mês que vem.

Curso

Carlos Daniel Reichel, roteirista do documentário Vale Tombado e diretor de curtas (como O Garoto VHS), vai ministrar uma oficina de roteiros para cinema e linguagem audiovisual no Sesc de Jaraguá a partir do dia 14. Serão 22 horas-aula, divididas em cinco dias. Informações sobre o curso e inscrições pelo telefone (47) 3275-7806 ou pelo e-mail Paulo.7365@sesc-sc.com.br.

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaProjeto de lei de vereador mirim de Joinville é aprovado em Brasília https://t.co/Dj5CUwqUyy #LeianoANhá 2 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaHomem joga gasolina e ateia fogo na mulher e no filho  https://t.co/2yd1iOtftf #LeianoANhá 6 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros