Rejane: Jurados têm a difícil tarefa de escolher os melhores da dança em Joinville - Cultura e Variedades - A Notícia

Versão mobile

Variedades22/07/2017 | 05h30Atualizada em 22/07/2017 | 05h30

Rejane: Jurados têm a difícil tarefa de escolher os melhores da dança em Joinville

Confira essa e outras notícias na coluna de Rejane Gambin

Rejane: Jurados têm a difícil tarefa de escolher os melhores da dança em Joinville Windson Prado/Divulgação
 Registro do grupo de jurados da Mostra Competitiva que avaliou a noite de balé clássico de repertório e jazz, mais integrantes da curadoria artística. A foto é da noite do dia 20 Foto: Windson Prado / Divulgação

Depois de cada noite competitiva, os jurados é que têm a difícil tarefa de dar as notas e decidir quem se destacou nas apresentações, que sempre são muitas e uma mais linda que a outra. A precisão dos movimentos é sempre impressionante e os bailarinos se superam a cada movimento. Por isso, grandes nomes fazem parte desse seleto grupo que tem a missão de decidir quem são os melhores no Festival de Dança de Joinville. 

Confira a programação do Festival de Dança de Joinville neste fim de semana

Confira os dias e horários das apresentações que ocorrem de graça em shoppings e mercados de Joinville

Como uma das apresentadoras do Festival, tenho a chance de observar a reunião dos jurados depois de uma noite competitiva, sempre na sala ao lado, claro, porque a reunião é fechada. E posso garantir que nunca é uma tarefa fácil. Tem noites em que a soma das notas, mais a discussão entre eles sobre detalhes que podem fazer alguma diferença no resultado final, demora mais de uma hora. E só depois disso é que o resultado é anunciado na varanda do Centreventos para os grupos e bailarinos participantes da competição. Vale destacar a seriedade deste evento que serve também de alavanca para os bailarinos e profissionais da dança.

Leia as últimas notícias
Confira mais colunas de Rejane Gambin

Sapatilha

Foto: Rejane Gambin / Agencia RBS

Desde que foi instalada ao lado do Centreventos Cau Hansen, a sapatilha gigante cor de laranja se transformou em um dos locais preferidos para as fotos dos bailarinos e visitantes que chegam a Joinville nesta época do ano. E com razão! Além de muito bonita, a peça é um símbolo de que aqui todos somos apaixonados pela dança.

Crianças mostram que dançar não é brincadeira em competição durante o Festival de Dança de Joinville 

Ponto de Encontro

Foto: Rejane Gambin / Agencia RBS

A Feira da Sapatilha, sem dúvida nenhuma, é o maior ponto de encontro dos bailarinos e visitantes. A qualquer hora do dia, ou da noite, o local é um agito só. Na praça de alimentação, a mesma coisa. Nas mesas, o que chama a atenção é a diversidade de sotaques e a alegria de todos.

Entenda por que o Festival de Dança é o mais importante do Brasil

Festança, sô

Um grande arraial para reunir a família e destacar a cultura das festas juninas ocorre neste sábado na Sociedade Kenia Clube, no Itaum. É o Arraiá da Príncipes do Samba. A festa está marcada para começar às 15 horas e vai contar com todas aquelas delícias deste tipo de festa, como pinhão, quentão, cachorro-quente e pipoca. A animação vai ficar por conta do grupo Samba por Inteiro. Para as crianças, vai ter recreação. A entrada é gratuita.

TánoInsta

@patty_allam registrando uma tarde com os filhos em clima de férias de inverno no Parque Malwee Foto: divulgação / divulgação


Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPessoas com deficiência física e motora ainda enfrentam desafios na acessibilidade em Joinville  https://t.co/TO0F1PSsgj #LeianoANhá 3 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaSenai inaugura novos institutos em Joinville nesta quinta-feira https://t.co/N804BC87Rv #LeianoANhá 3 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros