Rejane: Como foi um dos casamentos mais badalados do ano - Cultura e Variedades - A Notícia

Versão mobile

Variedades21/06/2017 | 05h30Atualizada em 21/06/2017 | 05h30

Rejane: Como foi um dos casamentos mais badalados do ano

A cerimônia de casamento de Caroline May e David Abuhab seguiu tradição judaica

Rejane: Como foi um dos casamentos mais badalados do ano Valéria Grams Fotografia/Divulgação
 Os noivos David e Caroline com o cantor Buchecha, que animou a festa de casamento Foto: Valéria Grams Fotografia / Divulgação

Um dos casamentos mais badalados do ano com certeza foi o de Caroline May e David Abuhab. A cerimônia, que seguiu a tradição judaica, e a festa aconteceram na última sexta-feira no Estaleiro Guest House, na praia do Estaleiro, em Balneário Camboriú. Seletos 350 convidados puderam participar desse momento tão importante na vida dos noivos e de seus familiares, que prepararam tudo com muito capricho. A noiva, aliás, estava lindíssima, com um vestido assinado pelo estilista joinvilense Eluiz Gonçalves. A lua de mel será no Japão. Boa viagem e felicidades para o novo casal!

Na festa, Bruno Inneco, Agnaldo Rehfeld, Edinar Abuhab, Eluiz Gonçalves e Miguel Abuhab Foto: Valéria Grams Fotografia / Divulgação

Leia outras colunas de Rejane Gambin

Olha só que bacana

O Festival de Cucas do Jornal do Almoço serviu de inspiração para uma turminha do maternal 1 do CEI Pedacinho do Céu, que fica no Bom Retiro. É isso mesmo. Nesta semana, aconteceu por lá o 1º Festival de Cuca do CEI Pedacinho do Céu. O evento foi organizado pelas professoras Bruna, Cátia e Renata, que pediram para os pais que levassem cucas de sabores variados. Teve até concurso com a escolha da melhor cuca da tarde. E a vencedora foi a de banana com doce de leite, feita por Renata Villanova, mãe de Lorenzo Barauna, de dois anos. É a tradição joinvilense ganhando cada vez mais força.

O prefeito Udo Döhler foi jurado do Festival de Cuca do CEI Pedacinho do Céu Foto: Jaksson Zanco / Divulgação

Ópera

O Festival de Ópera da Sociedade Harmonia-Lyra está sendo um sucesso. Tanto a noite de abertura, no sábado, quanto a segunda apresentação, nesta terça-feira, foram com casa cheia. Sinal de que o joinvilense é um apreciador desse tipo de espetáculo. Quem ainda não foi tem no próximo sábado a chance de ver a última apresentação: a ópera La Bohème, às 20 horas. O ingresso é solidário: basta levar três quilos de alimentos para trocar pela entrada.

Festival de Ópera tem casa cheia nos dias de apresentação Foto: divulgação / Divulgação
Uma das grandes atrações do evento foi a japonesa Masami Ganev Foto: divulgação / Divulgação

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC/Krona volta à quadra nesta segunda pelo Estadual de Futsal https://t.co/66MRJrycSI #LeianoANhá 2 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJEC vence primeiro jogo-treino sob comando de Rogério Zimmermann https://t.co/RZTG9jY5Ea #LeianoANhá 3 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros