UniSociesc, em Joinville recebe o Festival do Minuto  - Cultura e Variedades - A Notícia

Versão mobile

Cultura26/05/2017 | 09h13Atualizada em 26/05/2017 | 09h13

UniSociesc, em Joinville recebe o Festival do Minuto 

Mostra de curtas-metragens ocorre em 250 espaços do País

UniSociesc, em Joinville recebe o Festival do Minuto  Divulgação/Divulgação
Mais de 250 espaços pelo Brasil afora receberão, até domingo, o Festival do Minuto Foto: Divulgação / Divulgação

Mais de 250 espaços pelo Brasil afora receberão, até domingo, o Festival do Minuto, tradicional mostra criada em 1991 que leva ao conhecimento geral curtas-metragens com até 60 segundos de duração selecionados por uma curadoria. Um desses pontos é a UniSociesc, cujo curso de cinema e audiovisual é o anfitrião das sessões em Joinville. Elas acontecem hoje, em dois momentos: às 18 horas, com curtas em variados estilos de animação (como o da imagem acima, do recifense Jonas Menezes); e às 19 horas, com as mostras Melhores — uma seleção de vídeos que abrange diversos assuntos e técnicas, incluindo aqueles filmados com celular, animações e videoarte — e Universitária, feita de curtas produzidos por estudantes e professores. Não precisa dizer que é tudo de graça.

Exposição na  galeria do Salvador Vegan Café Foto: Divulgação / Divulgação


Da porta para dentro

A transferência da arte de rua para espaços fechados e, digamos, mais formais ainda é coisa nova em Joinville, e pode-se conferir a Bilbo um certo pioneirismo local nesse sentido. O grafiteiro, autor de inúmeras intervenções artísticas pela cidade, mostrará seus traços e cores durante um mês na galeria do Salvador Vegan Café – a abertura é hoje, às 19 horas. Variando do nanquim a tinta acrílica, as dez pinturas da exposição O Retorno de Saturno discute a distorção dos elementos cotidianos e a loucura dessa rotina.

Drama

O cineclube da Galeria 33, em Joinville, exibe nesta sexta-feira o drama italiano Montedoro (2016). Uma americana de meia-idade procura suas raízes depois da morte de seus pais adotivos. Na esperança de encontrar a mãe biológica que ela nunca conheceu, ela viaja para um remoto lugar no Sul da Itália, Montedoro. A sessão, às 20 horas, é gratuita.

Materno


Da safra de novas produções da Dionisos Teatro, a peça Mãe-criada será apresentada na sede da Amorabi (que comemora 36 anos de fundação), no bairro Itinga, hoje, às 20 horas. O solo de Clarice Siewert acompanha o trajeto da barriga ao bebê e investiga o que sobra da mulher por trás dessa tarefa que lhe é atribuída pela humanidade. A entrada é gratuita.

Narrações

A Livraria A Página recebe amanhã, a partir das 10 horas, a seleção final do Concurso Contadores de Histórias promovido pela Feira do Livro de Joinville. Nove contadores terão suas narrativas – baseadas em obras de autores convidados do evento – analisadas pelas juradas Marlete Cardoso, Alcione Pauli e Brigitte Farina Schroter. Os aprovados se apresentarão na feira, em junho. A entrada é gratuita.

Errata

Orelhada escorregou feio na edição de ontem ao informar que a palestra do escritor Erich von Daniken em Joinville seria na quinta-feira. Na verdade, o autor do best-seller da ufologia Eram os Deuses Astronautas? será hoje, dia 26, às 20 horas, na sede da Acij. As inscrições, a R$ 150, ainda podem ser feitas pelo site sinaisdosdeuses.com.br.


Jornalista e escritor Fabrício Carpinejar Foto: Rodrigo Rocha / divulgação


Bola rolando

Apareceram os dois primeiros nomes da 11ª Feira do Livro de Jaraguá, marcada para agosto. Vencedor de dois prêmios Jabuti, cronista no jornal Zero Hora e dono de um blog no O Globo, o jornalista e escritor Fabrício Carpinejar (foto) abrirá a primeira noite do evento no dia 10. No dia seguinte, a atração será o também jornalista e escritor Eduardo Spohr, famoso pela trilogia Filhos do Éden, pelo best-seller A Batalha do Apocalipse e pelas participações no blog Jovem Nerd.

Grupo Música Orgânica Foto: isadora manerich / Divulgação


Trio orgânico

A salada sonora do grupo Música Orgânica, que aponta da MPB à world music, finca sua poesia musicada hoje na Livraria O Sebo, em Joinville. O trio de Porto Belo – finalista do Prêmio Profissionais da Música, de Brasília – é a atração de mais uma rodada do Projeto Reverbera – o Som do Cantautor, o que significa dizer que ele marca presença duas vezes no espaço: primeiro, às 15 horas, com um workshop de composição; depois, às 20 horas, com o show baseado no disco O Dia do Despertar, lançado em 2016. Nos dois momentos, a entrada é gratuita.

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaFestival reúne receitas diferentes para quem gosta de churros em Joinville https://t.co/FKsKQvaFSA #LeianoANhá 14 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaCondutor morre após carro colidir com caminhão na BR-280, em Jaraguá do Sul https://t.co/Rq6BmUjrx6 #LeianoANhá 19 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros