Orelhada: Regente de Joinville ganha medalha da Assembleia Legislativa de São Paulo - Cultura e Variedades - A Notícia

Versão mobile

Cultura30/05/2017 | 05h00Atualizada em 30/05/2017 | 05h00

Orelhada: Regente de Joinville ganha medalha da Assembleia Legislativa de São Paulo

Fernando Klemann recebeu a honraria por causa do trabalho com música que realiza desde 2009 na periferia de Curitiba

Orelhada: Regente de Joinville ganha medalha da Assembleia Legislativa de São Paulo Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

O cantor lírico e regente joinvilense Fernando Klemann recebeu no dia 24, na Assembleia Legislativa de São Paulo, a medalha das forças internacionais de paz da ONU por causa do trabalho com música que realiza desde 2009 na periferia de Curitiba, onde mora há dez anos. Ele dá aulas gratuitas de técnica vocal e canto coral, o que, segundo Fernando, facilita o aprendizado e motiva a socialização, além de ter gerado um musical com as pessoas assistidas chamado "Nos Trilhos da Vida". Outra razão da homenagem são os concertos de música brasileira realizados por ele em países como Portugal, Alemanha, Dinamarca e Itália. Quando ainda vivia em Joinville, Klemann — que já dividiu o palco com Toquinho, Tiago Iorc, Ivan Lins, Fafá de Belém e o ator Luís Melo — foi regente de diversos corais, entre eles, o da igreja luterana de Pirabeiraba e o do Ipreville, extinto pouco depois de sua saída.

Pedido protocolado

Foto: Cristiano Prim / Divulgação

"Orelhada" sabe que o Instituto Festival de Dança deve ter bem encaminhada (se não fechada) a edição deste ano do evento, mas será que não sobra uma ¿beirinha¿ para "Protocolo Elefante" (foto), novo e aguardadíssimo espetáculo do grupo ilhéu Cena 11? O trabalho estreou no dia 20, abrindo o Festival Múltipla Dança, na Capital, e teve gente saindo pelo ladrão. Seria uma aquisição e tanto para o Festival de Dança de Joinville, além de um reconhecimento a um dos mais importantes grupos artísticos do Estado, que enfrenta sérios problemas para continuar na ativa. A companhia está em negociações para levar "Protocolo Elefante" para São Paulo e tem apresentações marcadas na Alemanha em novembro.

Confira outras notas do colunista Rubens Herbst.
Leia mais notícias de Joinville e região.

Contramão

Na semana passada, noticiamos aqui a ida do trabalho do grafiteiro Bilbo para o ambiente fechado de uma galeria. Outro conhecido "artista da rua" de Joinville, Época Mouco, repetirá a ação no dia 5, quando abre a exposição "Cenas Cotidianas ou de Improviso" no Garten Shopping. Em oito telas, ele retrata, de forma singular, locais bem conhecidos da população joinvilense.

Verdade na tela

Foto: Sala PF Gastal / Divulgação

O galpão da Ajote sediará, de 15 a 18 de junho, a Mostra do Novíssimo Documentário Brasileiro, formada por oito filmes produzidos nos últimos anos e premiados em festivais mundo afora. Um deles é "A Alma do Osso" (foto), de Cao Guimarães, escolhido o melhor filme do Festival É Tudo Verdade de 2004. Serão exibidos dois títulos por noite, sempre sem cobrança de ingresso. Nas mesmas datas, será oferecida uma oficina de roteiro de documentário com Norlan Silva, cineasta, fotógrafo e professor de Brasília que também é curador da mostra. Inscrições e informações pelo e-mail producaomeroacidente@gmail.com

Cinema

A Agência Nacional do Cinema (Ancine) abriu o edital Cinema da Cidade, convocando os governos estaduais a manifestarem interesse na implantação de salas de cinema em municípios sem esse equipamento. O foco serão as 1.402 cidades de até 20 mil moradores sem nenhum espaço de exibição. Pelo menos três cidades de cada Estado serão beneficiadas. A ação conta com recurso de R$ 8,3 milhões do Fundo Setorial do Audiovisual e contrapartida mínima de R$ 2 milhões dos Estados.

Frase

Foto: LOIC VENANCE / AFP

"Nunca me senti atriz, e rapidamente compreendi que tentavam atingir meu pai. Acho que encontrei meu caminho com "As Virgens Suicidas". Mesmo assim, a acolhida a "Encontros e Desencontros" me surpreendeu. Não esperava tanto, mas era um reconhecimento para o meu caminho."

Sofia Coppola, ao "Estadão", relembra as críticas recebidas por sua atuação em "O Poderoso Chefão 3". Hoje, como diretora, é seguidamente ovacionada, tanto que seu novo filme, "The Beguiled", lhe rendeu o prêmio de melhor direção no Festival de Cinema de Cannes, encerrado no domingo.

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaEx-presidente do JEC critica trabalho do departamento de futebol https://t.co/JCvIgxl83R #LeianoANhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaPresidente do JEC abre caminho para nova diretoria em 2018 https://t.co/ofXFl9cqtM #LeianoANhá 1 horaRetweet

Veja também

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros