Orelhada: Associação dos Amigos do Museu do Mar, de São Francisco do Sul, digitaliza documentos - Cultura e Variedades - A Notícia

Versão mobile

Cultura31/05/2017 | 09h02Atualizada em 31/05/2017 | 09h11

Orelhada: Associação dos Amigos do Museu do Mar, de São Francisco do Sul, digitaliza documentos

Ação, desenvolvida em parceria com a Udesc, inclui revistas, livros e documentos raríssimos

 A Associação dos Amigos do Museu do Mar, em parceria com a Udesc, digitalizou milhares de documentos, como revistas, livros e documentos raríssimos (como manuscritos e cartas náuticas) da Biblioteca Kelvin Duarte e oferecerá tudo no Portal Barcos do Brasil, uma plataforma online que facilitará, e muito, a pesquisa do acervo bibliográfico e museográfico do Museu de São Francisco do Sul. Um fichário e imagens dos barcos que fazem parte dele também serão disponibilizados, tornando o site portalbarcosdobrasil.com.br referência em consulta não só do patrimônio naval, mas também de modelismo, pesca, folclore e viagens marítimas. Alguns títulos valiosos da biblioteca remontam ao século 16. O projeto foi financiado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), por meio de convênio com a Associação dos Amigos do Museu do Mar.

Confira outras notas do colunista Rubens Herbst.
Leia mais notícias de Joinville e região.

O lançamento da plataforma digital, no dia 9 de junho, coincidirá com a assinatura do termo de gestão compartilhada entre a Fundação Catarinense de Cultura e a Fundação Cultural de São Chico. Ainda sobre o Museu do Mar, em julho ocorrerá a reabertura integral de todas as salas, incluindo a que leva o nome de Amyr Klink. É a conclusão da reforma emergencial que começou em abril.

Ponto de discussão

Foto: Divulgação / Divulgação

Temas como bullying, assédio, racismo, amor, religião e o sistema educacional entram na roda de conversa a partir do documentário "Últimas Conversas", que integra o Projeto Diálogos Urgentes e será exibido hoje, às 19 horas, nas unidades do Sesc de Joinville e de Jaraguá. Em seu derradeiro filme, o cineasta Eduardo Coutinho entrevistou estudantes do ensino médio do Rio de Janeiro, questionando-os a respeito de suas vidas e expectativas para o futuro. Daí vêm as questões que serão debatidas com especialistas após a sessão, que é gratuita.

Astro

Vamos acrescentar o nome de John Mayer a já longa lista de atrações internacionais que aportarão em Curitiba até o final do ano. O músico americano, em turnê com o disco "The Search of Everything" (2016), tocará na Pedreira Paulo Leminski, no dia 22 de outubro, terceira de cinco datas no Brasil. Os ingressos começarão a ser vendidos no site da Livepass na próxima terça-feira.

Dança aberta

Foto: henrique kardoso / Divulgação

O leitor da coluna já sabe, há algum tempo que cinco espetáculos formam a Mostra Contemporânea do 35º Festival de Dança de Joinville, e que três deles serão apresentados no Teatro Juarez Machado. Os outros dois tiveram agora seus locais de encenação definidos, além de ganharem o carimbo ¿entrada gratuita¿. No dia 22 de julho, a companhia Automatismo, do Ceará, apresentará "Auto-matismo" (foto) no Centreventos, às 17 horas, e no dia 28, às 18 horas, a Cia. Hibrida, do Rio de Janeiro, mostrará a intervenção "Escuta! Performance Urbana" no terminal central.

Poderosa

Não sei quantos dos diletos leitores esperam ansiosamente pelo filme da Mulher-Maravilha, mas esses precisam saber que uma pré-estreia acontece hoje, às 21h30, em salas do Garten Shopping, em Joinville, e do Jaraguá do Sul Park Shopping. O longa da heroína da DC entra em cartaz oficialmente amanhã.

Incentivo

O Grupo Livrarias Curitiba criou a campanha Meu Primeiro Livro, que irá publicar obras das crianças que participarem assiduamente da Hora do Conto, atividade realizada aos sábados nas lojas do grupo, incluindo as duas unidades em shoppings de Joinville. Eles serão publicados em outubro, mês das crianças, e entregues gratuitamente às famílias dos autores mirins.

Sítio na feira

Foto: chicolam / Divulgação

Não faltarão estratégias na Feira do Livro de Joinville para lembrar o povo de que Monteiro Lobato é o homenageado da edição deste ano. Uma delas é responsabilidade do quadrinista Chicolam, que bolou versões alternativas (e igualmente divertidas) dos personagens do Sítio do Pica-pau Amarelo. Os desenhos serão transformados em banners e ficarão posicionados no espaço dentro do pavilhão reservado para as atividades artísticas da crianças.

Frase

Foto: David Giesbrecht / Netflix,divulgação

"O público tem o direito de fazer um julgamento sobre o personagem, mas eu, não. Você pode rotular o Frank de herói ou anti-herói, mas eu sirvo apenas ao roteiro. Minha opinião, geralmente, não importa, porque ela não deveria importar. O que eu faço é proteger o personagem, mantê-lo naquele mundo fictício. E acho que fui bem-sucedido nesse sentido."

Kevin Spacey (foto), em entrevista a jornalistas latino-americanos, se esquiva de rotular Frank Underwood, o presidente americano que interpreta e é foco central da série "House of Cards". A quinta temporada dela chegou nesta terça ao Netflix.

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaDiogo Vargas: O embate polícia x bandidos  https://t.co/bSLPYVisfB #LeianoANhá 1 horaRetweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaO embate polícia x bandidos  https://t.co/uONuincFTA #LeianoANhá 4 horas Retweet

Veja também

A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros