Alegria e fascínio do público marcam quarto desfile da 33ª Oktoberfest - Cultura e Variedades - A Notícia

Versão mobile

Festa na Rua XV15/10/2016 | 18h24

Alegria e fascínio do público marcam quarto desfile da 33ª Oktoberfest

Alegria e fascínio do público marcam quarto desfile da 33ª Oktoberfest Patrick Rodrigues/Agencia RBS
Foto: Patrick Rodrigues / Agencia RBS


Fascínio para todos os olhares. Assim foi o quarto desfile oficial da 33ª Oktoberfest, que lotou toda a extensão da Rua XV de Novembro, no Centro de Blumenau. Assim que as bandeiras oficiais e as primeiras atrações como o Dampeschif, carro em alusão ao Vapor Blumenau, começaram a percorrer os cerca de 1.400 metros da Rua XV de Novembro, pontualmente às 16h, o público se aproximou das grades para conferir de perto cada uma das atrações, como a Choppmotorrad, o Wurstwagen (carro da linguiça) e os brinquedos da Planetapeia.

 

Na calçada da Rua XV cabem crianças encantadas com as cores e formas dos carros e com as balas e doces recebidos. Cabem adolescentes eufóricos, pais protetores e adultos empolgados com canecos estendidos. Com os celulares erguidos diante do rosto, muitos espectadores gravavam a passagem dos carros que mais lhe chamavam a atenção para poder levar no bolso e exibir a amigos que não foram alguns segundos do desfile. Um souvenir particular e imune à lei da oferta e procura. Foi o caso de Luzia Albino, 56 anos, moradora do bairro Garcia, que assistiu ao desfile ao lado da irmã Leonita Petry.

— Venho todos os anos, gosto de todos os carros — resumiu.

De Florianópolis, Catarina Luis Galhego veio para testemunhar mais uma vez a cultura e a receptividade que conseguem impressioná-la todo ano em outubro. E ir para a Oktoberfest sem passar pelo desfile não é um programa completo para ela. De São Paulo, Alexandre Moreira, 41, vem acompanhado de quase 50 amigos para viver o clima de animação da Rua XV e dos pavilhões, uma espécie de Carnaval de outubro. De Blumenau, a pequena Lara Koch, de apenas nove meses, desfila de traje típico no colo do pai Haron, onde começa a conhecer a atmosfera que todo ano desperta alegria e fascínio em mais de meio milhão de pessoas.

— É a primeira Oktoberfest dela, a primeira de muitas. Não vou nem poder reclamar quando ela fizer 18 anos — conta o pai, já ciente de que o amor pela festa é algo capaz de ser passado de pai para filho.

JORNAL DE SANTA CATARINA - Blumenau

 
 

Siga A Notícia no Twitter

  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJovem de 24 anos é morto a tiros na zona Norte de Joinville https://t.co/NVHjEeMLQChá 9 horas Retweet
  • anonline

    anonline

    Jornal A NotíciaJoinvilense ganha quase R$ 1 milhão em aposta na Lotofácil https://t.co/m1zlCP6xes https://t.co/exHcidw8sXhá 12 horas Retweet
  •  
A Notícia
Busca
clicRBS
Nova busca - outros